NEGÓCIOS

Tecnologias de transformação digital vão receber R$ 249,5 bilhões até 2021

Ana Paula Lobo ... 14/03/2018 ... Convergência Digital

Durante o 3º Seminário Brasscom Políticas Públicas & Negócios, que acontece em Brasília, nesta quarta-feira, 14/03, a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação -Brasscom - divulgou os dados setoriais de Tecnologia da Informação e Comunicações em 2017. Os números mostram que o setor respondeu por 7,1% do Produto Interno Bruto nacional no ano passado.

As empresas de TICs, que incluem os provedores de TI e Comunicações e a produção in house, como as dos grandes bancos e centros de serviços, hardware, software e nuvem, produziram R$ 467,5 bilhões. O crescimento do segmento chegou a 9,9% - em 2016, o setor cresceu apenas 0,4%, com a geração de 1,4 milhão de empregos. Os números mostram que TI e Comunicações, reunidas, produziram R$ 195,7 bilhões. Já a soma de TI com TI in house chegou a R$ R$ 238,9 bilhões.

O levantamento mostrou ainda que os investimentos em transformação digital, como Internet das Coisas, Big Data, Analytics, Inteligência Artificial e Segurança da Informação, para o período 2018 a 2021, são projetados em R$ 249,5 bilhões, com Internet das coisas liderando os aportes com R$ 169,7 bilhões, um impulso de 27%. Big data & Analytics respondem por R$ 56 bilhões, um avanço de 8,8% ao ano. Segurança da Informação terá um crescimento de 12% ao ano e chegará a R$ 22,8 bilhões. A Inteligência Artificial terá o maior crescimento das novas tecnologias nos próximos quatro anos, com projeção de 39% ao ano, com aportes de R$ 1,1 bilhão.

O estudo setorial da Brasscom mostrou ainda que a recuperação do mercado de hardware, que apresentou, em 2017, um crescimento de 16,7% depois de dois anos de decréscimo, muito em função, do consumo de dispositivos, com o smartphone como protagonista. O mercado de hardware chegou a R$ 82,5 bilhões, ficando com 46,4% dos investimentos. O mercado de software cresceu menos que o de hardware, com 11,6%, chegando a R$ 95,9 bilhões, e 53,6% dos aportes. O levantamento também aponta que o mercado de conectividade investiu R$ 399,8 bilhões em voz, serviços de dados e banda larga. Assistam a apresentação dos dados setoriais da Brasscom.


Cloud Computing
Com Serpro, AWS ataca duas pontas dos contratos de nuvem no governo

Depois de se tornar a primeira fornecedora direta aos órgãos federais, via pregão da Secretaria de Governo Digital, empresa inaugura acordo com o Serpro para a oferta de multicloud. Microsoft, Google, Huawei, Oracle e IBM estão na fila. Contrato com o Serpro pode chegar até R$ 71,2 milhões em cinco anos.

#apoieojornalismoespecializado é prorrogada até 31 de julho

Campanha foi estendida como agradecimento aos apoiadores: ABERT, ABES, Abinee, Abranet, Abratel, Abrint, ABTA, Algar, Assespro, Associação Neo,Brasscom, Brisanet, Cisco, Claro, Commscope, CPQD, Embratel Claro, Ericsson, F5, Feninfra, Fitec, Futurecom 2020, Highline, Huawei, Infobip, Intel, Kryptus, Mercado Livre, mobi2buy, PadTec,
Positivo Tecnologia, NIC.br, Oi, RNP, SAS, SindiTelebrasil, Stefanini,
Surf Telecom, Sky, Take, TelComp, TIM ,  Vero Internet, Viasat, Vivo e WDC Networks. 
A #apoieojornalismoespecializado une os veiculos - Convergência Digital, Mobile Time, Tele.Síntese, Teletime e TI Inside. Participe. Venha fazer parte do time que apoia o jornalismo especializado.

Stone que ir além das 'máquininhas', mas demite 1.300 para enfrentar crise do Covid-19

Empresa de meio de pagamentos quer investir em serviços financeiros e em ferramentas de vendas online. Em abril, a companhia, em parceria com o Grupo Globo, lançou a TON, voltada para trabalhadores autonômos.

Covid-19 fez produção da indústria eletroeletrônica recuar 9,1% em março

Abinee adverte que no mês de abril haverá uma nova queda, provavelmente ainda mais aguda, por conta das medidas de isolamento social.

#apoieojornalismoespecializado

Ação inédita une o Convergência Digital, o Mobile Time, o Tele.síntese, o Teletime e a TI Inside para uma campanha integrada para chamar a atenção para a relevância e o papel do jornalismo especializado setorial. O movimento é para financiar os esforços jornalísticos durante esse período de pandemia de Covid-19. Saiba quais são as empresas que já aderiram à nossa iniciativa e estão ajudando o jornalismo especializado.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G