Convergência Digital - Home

FGV do Rio abre inscrição para vestibular para Ciência de Dados

Convergência Digital
Convergência Digital* - 19/08/2019

A Escola de Matemática Aplicada da Fundação Getulio Vargas, no Rio de Janeiro, lança no primeiro semestre de 2020 o curso de graduação em Ciência de Dados, o primeiro do país. O programa, dessa forma, fornece, base sólida para quem aspira trabalhar no mercado corporativo ou quer prosseguir na carreira acadêmica, como pesquisador.

A análise intensiva de dados e a geração de conhecimento para a tomada de decisões são competências hoje imprescindíveis. Segundo pesquisa da MIT Sloan Management Review, 60% das companhias entrevistadas promovem treinamento em ciência de dados e 50% considera que transformar insights analíticos em negócios é um de seus maiores desafios.

Ao longo do curso, os alunos terão contato com questões que envolvem o Aprendizado de Máquinas, Modelagem Estatística, Processamento de Linguagem Natural, Visualização; assim como aplicações em Epidemiologia, Economia e Finanças, entre outras.

Um dos diferenciais da graduação em Ciência de Dados é a abordagem de um vasto repertório de conceitos, métodos e técnicas matemáticas, estatísticas e de computação, que capacitam os futuros profissionais a prestar assessoria e a fazer análises qualificadas, além de produzir, gerenciar e analisar grandes bases de dados.

O curso, de acordo com a FGV, tem como objetivo dotar os alunos de habilidades e competências necessárias para trabalhar em empresas de tecnologia, varejo, bancos de investimento, organizações não-governamentais, consultorias, empresas multinacionais, mídia e comunicação, além de carreiras em pesquisa.

"A nova graduação em Ciência de Dados oferecerá aos alunos uma trajetória inovadora para sua formação. Sendo o primeiro curso no Brasil nessa área, o objetivo é garantir a excelência da nossa graduação. Nossos alunos serão capacitados para, ao invés de somente utilizarem ferramentas e pacotes comumente disponíveis, aprenderem a criar suas próprias ferramentas analíticas através de ambientes de programação. Eles aprenderão todos os fundamentos matemáticos, estatísticos e computacionais necessários para exercer essa profissão moderna", destaca o professor Yuri Saporito, coordenador do curso.

A iniciativa da EMAp representa uma ponte fundamental entre a área acadêmica e o mercado de tecnologia e inovação empresarial. o corpo docente é formado por professores com doutorado e pós-doutorado em instituições que exercem liderança internacional na área e têm ampla experiência em pesquisas aplicadas, bem como em consultorias para empresas privadas e setor público.

Serão abertas 40 vagas para a primeira turma de Ciência de Dados – 32 vagas por meio do vestibular FGV e 8 vagas pelo ENEM. O curso é presencial e tem 2.610 horas (quatro anos de duração). As inscrições para o vestibular já estão abertas e se encerram no dia 8 de outubro. Devem ser feitas pelo site fgv.br/vestibular .


Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

CSU avança de empresa de BPO para uma companhia de tecnologia

Com diferentes atividades, entre elas, processamento de transações eletrônicas de meios de pagamento e serviços de relacionamento com clientes, a CSU contratou o NICE Nexidia para melhorar os resultados dos negócios com uma abordagem consultiva e analítica.

Cientista de dados: seja investigativo, analítico e curioso

Não há um perfil delimitado para o cientista de dados, o que significa que ele pode ser um 'profissional mais rodado e experiente' ou uim jovem recém-saído das universidades. Mas há um ponto essencial: a multidisciplinaridade, aponta o professor e especialista em ciência de dados do Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação (IGTI), João Carlos Barbosa.

Destaques
Destaques

Taesa faz transformação digital baseada em dados

Concessionária de energia impulsionou a transformação digital por meio de uma estratégia de gestão da tecnologia baseada em dados e integração.

Fleury cria empresa baseada em ciência de dados e inteligência artificial

Saúde ID funcionará como um marketplace de serviços ligados à saúde e recebeu investimentos de R$ 50 milhões. O paciente terá todas suas informações de saúde integradas em uma única plataforma, que poderá oferecer às empresas e operadoras um serviço com algoritítimos preditivos.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como controlar os gastos em nuvem pública?

Por Srinivasa Raghavan*

Se as empresas obtiverem melhor visibilidade do custo de cada serviço em nuvem que utilizam, poderão encontrar o equilíbrio certo entre eles, reduzir as despesas operacionais e obter o melhor valor possível da nuvem.

O caminho da cibersegurança passa pela nuvem

Por Felipe Canale*

Com organizações cada vez mais distribuídas, manter dispositivos em todos os locais ou usar produtos diferentes para trabalhadores remotos cria inúmeras brechas de segurança, além de custar muito e sobrecarregar os recursos de TI.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site