Home - Convergência Digital

Ericsson: 72% dos decisores querem 5G em 2020 no Brasil

Convergência Digital - 08/11/2019

Uma sondagem de opinião realizada pela Ericsson entre 29 e 31 de outubro, em São Paulo, aponta que 64% dos executivos de telecomunicações acreditam que o 5G terá papel habilitador para a transformação da economia. 

A pesquisa, sustenta a fabricante, ouviu 878 “decisores” em fornecedores, provedores e empresas referências no setor, dos quais 72% disseram que atrasar o leilão 5G seria negativo. Apenas 7% posicionaram-se favoráveis ao referido atraso. Ainda esperado para 2020, o leilão pode ficar para 2021.

“O 5G será o principal fator de transformação econômica, competitividade e ganho de eficiência dos mais diferentes setores da economia na próxima década. E o Brasil não pode perder o timing para dar mais esse importante passo”, afirma o diretor de Relações Institucionais da Ericsson, Tiago Machado.

Segundo ele, “é realmente importante que o Brasil tome uma série de medidas regulatórias como parte de uma política pública mais ampla que assegurem a introdução da tecnologia no Brasil ainda em 2020”, defende, listando o próprio leilão de frequências 5G “sem um viés arrecadatório” e a aplicação da Lei Geral de Antenas em todos os municípios do país.

Os grandes clientes, no entanto, são menos enfáticos em relação ao prazo. Na mesma Futurecom onde a pesquisa foi realizada, os executivos de Vivo, Tim e Oi indicaram preferir o leilão no fim de 2020 ou mesmo em 2021. 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

17/09/2020
Telcomp vai ao STF contra leis que impedem antenas a 50 metros de residências em São Paulo

16/09/2020
Vale vai investir em laboratório 5G

15/09/2020
5G vai atrasar se teles tiverem que pagar limpeza da Banda C

10/09/2020
Minicom: Governo Bolsonaro não vai intervir na venda dos ativos da Oi

10/09/2020
5G avança sobre espectro não licenciado

10/09/2020
Brasil: No 5G, não feche as portas à China e aos EUA

08/09/2020
Qualcomm: 5G vai mudar o uso da computação em nuvem

08/09/2020
5G precisa garantir segurança jurídica aos investimentos, diz Minicom

08/09/2020
Brasil não pode perder bonde da história com 5G, diz Hamilton Mourão

02/09/2020
Open RAN cresce a taxas de dois dígitos e vai chegar a US$ 5 bilhões em 2024

Destaques
Destaques

Claro: Sem antenas, São Paulo fica fora do 5G

CEO da Claro, Paulo Cesar Teixeira, criticou a miopia de executivos que ainda insistem em colocar restrições à implantação de antenas, como acontece na cidade de São Paulo. "5G é a grande plataforma para permitir um salto econômico mais vigoroso", advertiu.

Covid-19 não é desculpa e Brasil perde dinheiro e status ao atrasar o 5G

O mundo não vai esperar o Brasil resolver seus problemas e o 5G está acontecendo, advertiu o consultor sênior da Omdia, Ari Lopes. Governo terá de decidir se busca investimentos de longo prazo ou de curto prazo. Omdia prevê um impacto de US$ 1,1 trilhão no Brasil de 2021 a 2025.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site