Home - Convergência Digital

Florianópolis quer ser cidade laboratório do 5G no Brasil

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo, de Florianopólis - 26/06/2019

Transformar Florianópolis na cidade laboratório do 5G no Brasil é o desejo do centro de referência em Inovação, Fundação CERTI, revela o superintendente de Negócios, Tecnologia e Inovação, Laércio Silva. A fundação fechou uma parceria com a TIM e está desenvolvendo aplicações e fazendo testes de uso- em campo - com a tecnologia 5G.

"O ambiente de negócios vai mudar completamente com o 5G. Será mais colaborativo. A inovação vai se transformar. E temos trabalhado com áreas como energia, saúde, economia criativa. Florianópolis tem um grande número de startups. Acreditamos que podemos ser o elo entre essas empresas iniciantes e o mercado", pontuou Laércio Silva.

Com o 5G, a ideia é experimentar na prática, as soluções de cidades inteligentes no Estado de Santa Catarina. "Há muito por fazer para o 5G decolar. Mas temos aplicações já em desenho na Fundação CERTI com Internet das Coisas, hoje, o nosso hardware está com Wi-Fi, mas já vamos trabalhar para ter o 5G. Muitas das nossas ofertas de IoT já estão sendo testadas em outros países. Tecnologia feita no Brasil e exportada pela sua capacidade de atender as demandas", revelou.

Nesta quarta-feira, 26/06, a TIM fez a apresentação de um teste 'em rede viva', ou seja usando a infraestrutura montada para atender a Universidade Federal de Santa Catarina, com o 5G ( equipamento Huawei). Foram mostradas como o 5G funciona na solução de MBB (banda larga móvel no celular), na chamada holográfica, na transmissão de conteúdo de realidade virtual, e na conexão FWA (banda larga fixa). A TIM fará testes semelhantes em Campina Grande, na Paraíba, e em Santa Rita do Sapucaí, Minas Gerais.

Ana Paula Lobo viajou a Florianópolis a convite da TIM Brasil




Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

27/05/2020
Cisco: 'Sempre estivemos e estamos no jogo do 5G"

27/05/2020
Coronavírus atrasa entrega de telefones 5G e impacta venda global de celulares

22/05/2020
Anatel: Parabólicas comprometem porta de entrada do 5G no Brasil

21/05/2020
Anatel confirma que filtros não resolvem interferência do 5G nas parabólicas

14/05/2020
Ericsson: Compartilhamento de espectro permite 5G às teles antes do leilão

12/05/2020
Pioneira no 5G, Coreia do Sul projeta redes standalone até o fim de 2020

11/05/2020
Ericsson: Covid-19 aumentou a demanda por 5G

08/05/2020
Anatel já sinaliza que Covid-19 vai adiar leilão do 5G para 2021

08/05/2020
Interferência nas parabólicas pode reduzir espectro para 5G

06/05/2020
Leilão 5G: TIM e Claro defendem adiamento. Vivo adverte para momento incerto

Destaques
Destaques

Leilão 5G: TIM e Claro defendem adiamento. Vivo adverte para momento incerto

TIM e Claro se posicionam claramente contra a realização do leilão ainda em 2020. A Vivo se mostra mais cautelosa, mas admite que está tudo muito nebuloso por conta da economia e da pandemia de Covid-19. Todas asseguram que o momento ainda é de muito investimento no 4G e no 4,5G.

Operadoras pedem que edital do 5G traga compromissos na nova tecnologia

Mas Anatel lembra que reduzir preço das frequências para exigir investimentos que o mercado já faria naturalmente não faz sentido na licitação. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Para além da guerra da saúde pública, não adiem o leilão do 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

O setor de telecomunicações tem suportado a sobrecarga derivada da pandemia de Covid-19. Mas, reforcem essas redes com tecnologia mais avançada para prover serviços de baixa latência. Dessa forma, não se postergue o leilão das redes ditas de quinta geração (5G) e atenção à segurança cibernética.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site