Convergência Digital - Home

Amazon prepara rede privada de LTE na nuvem na faixa de 3,5 GHz

Convergência Digital
Convergência Digital - 29/11/2018

A Amazon anunciou que prepara, em parceria, uma oferta de rede privada LTE em 3,5 GHz baseada em nuvem, em um movimento que indica a busca de posicionamento no nascente mercado com essa frequência e voltado a aplicações de internet das coisas.

Desenvolvido em colaboração com Athonet, Federated Wireless e Ruckus Networks, o serviço se vale da faixa compartilhada de 3,5 GHz nos Estados Unidos e é destinado a aplicações industriais de IoT em vigilância em tempo real, medidores inteligentes e monitoramento de segurança.

A solução usa o controle de espectro da Federated Wireless, pontos de acesso indoor da Ruckus e core de rede móvel da Athonet, além da plataforma de nuvem para internet das coisas da própria Amazon.

“Essa parceria representa um saldo em redes privadas móveis ao combinar a plataforma líder de nuvem com novas soluções de conectividade sem fio para permitir que todos os desenvolvedores criem o próximo serviço transformador”, disse a Federated Wireless em blog.

O interesse na faixa de 3,5 GHz nos Estados Unidos cresce na antecipação das esperadas ofertas comerciais nessa fatia do espectro, a começar pelas grandes empresas do mercado americano como AT&T, Verizon, Comcast, Charter e Altice, todas já em fase de testes.


LEIA TAMBÉM:
Destaques
Destaques

CNJ não libera contrato de R$ 1,3 bilhão do TJ/SP com a Microsoft

Mas autoriza o prosseguimento das negociações entre as partes. Decisão final sairá em plenária, ainda não agendada.

Big data e Analytics têm receita projetada em R$ 16,8 bilhões

A cloud pública também mostra crescimento e deve chegar a R$ 10 bilhões de receita no final do ano, de acordo com estudo da IDC, encomendado pela ABES. Com relação à Inteligência Artificial, o levantamento indica que, no Brasil,15,3% das médias e grandes empresas têm essa tecnologia entre as principais iniciativas e espera-se que isso dobre nos próximos quatro anos.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Edge Computing para acelerar os negócios das empresas brasileiras

Por Henrique Cecci*

O que é, afinal, Edge Computing? Trata-se da aplicação de soluções que facilitam o processamento de dados diretamente na fonte de geração de dados. No contexto da Internet das Coisas (IoT), por exemplo, as fontes de geração de dados geralmente são "coisas" com sensores ou dispositivos incorporados.

Intuição versus análise de dados na gestão

Por Douglas Scheibler*

O poder decisório significa alta responsabilidade e inúmeros riscos. Neste cenário caótico, analisar dados é indispensável e é o que justifica uma determinada medida ser considerada como correta, em um cenário específico, em detrimento de outras.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site