OPINIÃO

2018 e os desafios profissionais em TICs

Por Benito Paret*
12/01/2018 ... Convergência Digital

Muito se tem falado sobre as novas profissões oriundas das demandas decorrentes das aplicações de inteligência artificial e data analytics, da expansão dos sistemas de registro de informações – Blockchain, do surgimento acelerado das fintechs, das realidades virtual e aumentada, da expansão da computação em nuvem, das aplicações de nanotecnologia, entre outras.

A transversalidade das aplicações em áreas pouco exploradas como a medicina, a agricultura, as chamadas fábricas 4.0 são apenas referências de um mundo em evolução. Como preparar os quadros necessários para atender a estas demandas? Um dos caminhos, o mais rápido, é a reciclagem dos profissionais. Temos quadros técnicos com formação básica que poderiam ser capacitados em curto prazo, desde que desenvolvamos os programas educacionais necessários, numa parceria universidades-empresas.

A postura quase contemplativa que nos deparamos na sociedade, na qual  constatamos os desafios, mas não agimos com ações concretas superá-los, precisa ser alterada com a urgência exigida pelo novo mercado. As ferramentas disponíveis de educação a distância permitiriam disponibilizar programas adequados para a atualização de nossos profissionais.

A recém-criada Confederação Nacional de Tecnologia da Informação, reunindo as federações que aglutinam os sindicatos que representam as empresas dos setores de TIC, se propõe a reivindicar a criação de um Sistema de Aprendizagem.  Os recursos já existem e hoje são direcionados às entidades que formam o atual “Sistema S”, mas que pouco contribuem para a formação demandada pelas empresas de TIC contribuintes.

Estes recursos, muito significativos, permitiriam a curto prazo atender às necessidades educacionais focadas na atualização profissional e investir na difusão digital necessária a uma sociedade moderna e competitiva. Sem estes investimentos o desenvolvimento econômico e social de nosso país ficará muito comprometido. O ano de 2018 tem que ser o ano da “revolução educacional com foco digital”!!

*Benito Paret é Presidente do Sindicato das Empresas de Informática – TI RIO
 


Carreira
Empresa do setor imobiliário abre 100 vagas para Tecnologia em São Paulo

Entre os profissionais buscados estão cientistas de dados, engenheiros de dados, engenheiro de software, engenheiro para Android e iOS, entre outros. O processo seletivo é baseado em triagem de currículo, entrevistas com a área de Gente e Gestão, pares e líderes.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G