TELECOM

Anatel amplia frequência para serviço móvel via satélite

Luís Osvaldo Grossmann ... 25/04/2019 ... Convergência Digital

A Anatel aprovou nesta quinta, 25/4, uma consulta pública que prevê a destinação de parte da Banda S (2 a 4 GHz) para o Serviço Móvel Global por Satélite, modalidade que oferece telefonia celular em áreas onde não há uma infraestrutura terrestre de antenas. Ao fazê-lo, ampliou o naco previsto na proposta original e também permitiu o uso por serviços terrestres.

“Diante dos comentários recebidos na consulta e da alteração do cenário em que se encontra a Banda S, a área técnica decidiu rever a análise de impacto regulatório para incluir uma alternativa que valoriza a destinação dessa banda no Brasil, tanto para os serviços moveis via satélite como para serviços fixos e móveis terrestres, em consonância com uso internacional”, afirmou o conselheiro Aníbal Diniz, relator do caso.

Como resultado, foi destinada a faixa de 1980 a 2010 MHz e 2170 e 2200 MHz ao SGMS, SMP, SCM, STFC e SLP, portanto 30+30 MHz, que segundo Diniz “é bastante coerente com o cenário atual e corresponde às expectativas do setor para utilização eficiente do espectro”.

A destinação teve origem em um pedido da americana Echostar, que defendia uma fatia maior, de 1980 a 2025 e 2160 a 2200. Originalmente, por temer “interferências de difícil solução”, a agência avaliou destinar somente 20+20 MHz, começando em 1990 MHz e 2180 MHz. A consulta pública vai receber contribuições por 30 dias.


Revista do 62º Painel Telebrasil 2018
Veja a revista do 62º Painel Telebrasil 2018 Brasil Digital: O futuro é agora - é o tema da revista do Painel Telebrasil 2018.
Edição, com 104 páginas, consolida os debates realizados no evento, que reuniu a indústria de Telecomunicações.
Clique aqui para ver outras edições

Governo autoriza aumento de capital da Telebras de R$ 1,17 bilhão

Montante é reflexo dos aportes autorizados em 2015, 2016, 2017 e 2018, quando a estatal estava ainda em acerto financeiro do satélite geoestacionário de defesa e comunicações. 

Comissão aprova prazo de seis meses para instalação de bloqueador de celular em presídios

Relator do projeto retirou o dispositivo que condicionava as novas outorgas de telecomunicação à instalação, ao custeio e à manutenção dos bloqueadores pelas prestadoras.

Com Smart, Algar Telecom fica com 1.100 Km de rede própria em Pernambuco

Compra da Smart Telecomunicações foi concluída e empresa tem previsão de investir R4 78 milhões na região Nordeste nos próximos cinco anos.

Entidades rebatem Anatel e lançam carta contra o PLC 79/16, o projeto que muda telecom

Em contraponto à agência reguladora, entidades de defesa de consumidores e de direito à comunicação criticam o PLC 79/16, alegam que a proposta favorece a concentração e reduz o poder da União de exigir investimentos em banda larga. 




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G