Home - Convergência Digital

Transformação digital faz Santander abrir mais de 400 vagas para profissionais de TI no Brasil

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 30/05/2019

O Santander vai reforçar o seu time de tecnologia com a contratação de cerca de 400 profissionais. As vagas técnicas têm foco em áreas relacionadas a plataformas digitais, dados, inteligência artificial e inovação. As principais posições são para cargos de: Desenvolvedor Java; Arquiteto BPM / RPA; Desenvolvedor Android; Desenvolvedor IOS; Desenvolvedor Web SPA, Engenheiro de Inteligência Artificial e Engenheiro de Dados, com oportunidade tanto para cargos técnicos quanto para funções de liderança.

A instituição financeira também oferece um amplo pacote de benefícios que inclui, entre outros: Vale Alimentação e Refeição; Plano de Saúde; Participação nos Lucros e Bônus. As posições também proporcionam a possibilidade de aprender e se desenvolver usando tecnologia de ponta.

Segundo o diretor executivo de Tecnologia do Santander, Marino Aguiar, existem grandes alavancas para atrair e engajar esses talentos. “Temos uma remuneração competitiva, oportunidade de carreira e, principalmente, de desenvolvimento profissional em um ambiente dinâmico, motivador e desafiador. Estamos no meio da maior e mais acelerada transformação digital da indústria, oportunidade única de crescimento e aprendizado para os nossos colaboradores”, destaca.

A maioria dos postos de trabalho é para o Campus Geração Digital (Avenida Interlagos, 3501, Vila Arriete) que é hoje considerado uma referência no país para modernidade e dinamismo em local de trabalho, especialmente pensado para facilitar a comunicação, colaboração e o trabalho no modelo agile. Com amplo espaço a céu aberto, o local conta com quadra e campo de futebol, espaço gourmet com churrasqueira, sinuca, pebolim e wi-fi em todo o ambiente. Os interessados podem se candidatar pelo portal: https://jobs.i-hunter.com/santander/programa/tecnologia-santander-2019

O Santander Brasil responderá por 30% do investimento de US$ 2 bilhões previsto pelo Grupo Santander nos próximos anos para ampliar a digitalização de suas operações. O anúncio foi feito nesta semana pela presidente mundial da instituição, Ana Botín. Além disso, soluções desenvolvidas na unidade brasileira estão sendo internacionalizadas pelo Grupo. Um exemplo são as contas de pagamento da Superdigital, que já está presente no Chile e no México. A próxima da lista é a Getnet, da área de adquirência, que se tornará uma plataforma global de pagamentos eletrônicos do Santander.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

08/10/2019
Serpro escolhe parceiros para digitalização de serviços públicos

04/10/2019
Esperar para ver é a morte da transformação digital

12/08/2019
Citrix: Funcionários desengajados travam a transformação digital

06/08/2019
Nuvem pública dos órgãos federais volta a travar na Justiça

06/08/2019
Japonês Softbank compra 8% do brasileiro Banco Inter

02/08/2019
INPI promete reduzir prazo para registro de chips de 70 para 7 dias

30/07/2019
Teles e bancos são setores mais avançados na transformação digital

18/07/2019
Hospital Santa Paula faz jornada digital, mas alerta para falta de cientistas de dados

10/07/2019
ISPs e transformação digital aquecem o mercado de fibra óptica no Brasil

05/07/2019
BRF faz transformação digital e consumidor ganha voz de decisão

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A urgência de cultivar talentos para TIC no Brasil e no mundo

Por Breno Santos*

A transformação digital ainda é um desafio para muitas empresas no Brasil e a aplicação estratégica das novas soluções deve acontecer por meio de equipamentos e mão de obra qualificada.

Destaques
Destaques

Informação sigilosa pelo WhatsApp caracteriza justa causa para demissão

Mesmo com estabilidade provisória como cipeiros, Tribunal Superior do Trabalho deu validade à dispensa de três empregados que divulgaram nomes de futuros demitidos pelo app de mensagens. 

RH prioriza currículo e falha ao contratar profissionais de TI

Há uma distância grande do discurso adotado pelo RH com relação à tecnologia em relação à prática no dia a dia e a conversa entre a TI e o RH fica muito distante e gera ruído, observa a diretora da edtech Fábrica de Cursos, Sylvia Meirelles.

Automação e IA exigem que Brasil reeduque sete milhões em três anos

Estudo da IBM indica que o impacto das novas tecnologias no mercado de trabalho demanda qualificação imediata de 120 milhões nas maiores economias do mundo, mas o tempo de capacitaçao aumentou 10 vezes desde 2014. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site