Home - Convergência Digital

Qualcomm: Banda milimétrica exigirá que cada operadora tenha de 400 Mhz a 800 Mhz

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo - 24/05/2019

Na banda milimétrica- ou seja na faixa de 26GHz, como o Brasil planeja licitar - o ideal é que cada operadora tenha de 400 Mhz a 800 Mhz e na faixa de 3,5GHz, o ideal é ter 100 Mhz, diz o presidente global da Qualcomm Incorporated, Cristiano Amon, que participou do Painel Telebrasil 2019, realizado de 21 a 23 de maio, em Brasília.

"É possível ter o 5G com 80 MHz, é, mas o ideal é ter 100MHz", afirmou em entrevista à CDTV do Convergência Digital. Segundo Amon, é muito importante que o brasil tenha marcado o leilão, mas advertiu: o País precisa correr para ter o 5G comercial em 2020, para não ficar para atrás dos países desenvolvidos. Amon afirmou ainda que o impacto do 5G pode ser comparado ao da eletricidade e do motor de combustão. “No mundo em que estamos vivendo, a internet é essencial e o 5G vem para conectar tudo”, sustentou o executivo.

Do ponto de vista da tecnologia, o 5G, pontuou o presidente da Qualcomm Incorporated, foi desenvolvido para funcionar em todas as bandas e, principalmente, simultaneamente. “Há aplicações distintas que se complementam e podem funcionar na rede pública ou em redes privadas”, exemplificou. Amon enfatizou que o 5G será uma plataforma multisserviço e exigirá muito espectro. Sobre o Brasil, o executivo pediu regras claras para a adoção, o quanto antes, da nova tecnologia. Assistam a entrevista.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

12/07/2019
Imposto zero para IoT está na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara

12/07/2019
Profissional do futuro é atento, curioso e despreza a zona de conforto

05/07/2019
BRF faz transformação digital e consumidor ganha voz de decisão

05/07/2019
DBServer: competitividade exige uma nova maneira de fazer software

04/07/2019
5G vence WiFi e será o padrão dos carros conectados na Europa

04/07/2019
Guardião Cibernético testa reação a ataques contra redes de telecom

04/07/2019
Anatel usa simulação de ataque para incrementar regras de cibersegurança

03/07/2019
Venda de smartphone 5G vai dar um salto de 1200% em 12 meses no mundo

02/07/2019
MCTIC abre consulta pública para definir a estratégia para 5G no Brasil

26/06/2019
Florianópolis quer ser cidade laboratório do 5G no Brasil

Destaques
Destaques

Varejo x bancos: carteira digital vira superaplicativo

Superados os obstáculos iniciais, mercado não financeiro acelera estratégia para ficar com preferência dos consumidores.

Para injetar R$ 200 bilhões na economia, IoT tem de ficar livre das amarras tributárias

Relator da proposta de tributo zero para Internet das Coisas, deputado Eduardo Cury, do PSDB/SP, disse que o setor precisa municiar o Parlamento com dados para convencer à Casa a conceder a desoneração.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

O potencial pouco explorado da Internet das Coisas

Por Daniel Kriger*

A grande mudança que a Internet das Coisas (IoT – Internet of Things) trará para a vida das pessoas está além da facilidade de se preparar um café, programar um banho quente ou economizar na conta de luz. Dar conectividade a objetos e abrir espaço para comandos inteligentes em inúmeras tarefas do dia a dia é um dos principais propósitos de IoT. Mas não é só isso.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site