Home - Convergência Digital

Qualcomm: Banda milimétrica exigirá que cada operadora tenha de 400 Mhz a 800 Mhz

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo - 24/05/2019

Na banda milimétrica- ou seja na faixa de 26GHz, como o Brasil planeja licitar - o ideal é que cada operadora tenha de 400 Mhz a 800 Mhz e na faixa de 3,5GHz, o ideal é ter 100 Mhz, diz o presidente global da Qualcomm Incorporated, Cristiano Amon, que participou do Painel Telebrasil 2019, realizado de 21 a 23 de maio, em Brasília.

"É possível ter o 5G com 80 MHz, é, mas o ideal é ter 100MHz", afirmou em entrevista à CDTV do Convergência Digital. Segundo Amon, é muito importante que o brasil tenha marcado o leilão, mas advertiu: o País precisa correr para ter o 5G comercial em 2020, para não ficar para atrás dos países desenvolvidos. Amon afirmou ainda que o impacto do 5G pode ser comparado ao da eletricidade e do motor de combustão. “No mundo em que estamos vivendo, a internet é essencial e o 5G vem para conectar tudo”, sustentou o executivo.

Do ponto de vista da tecnologia, o 5G, pontuou o presidente da Qualcomm Incorporated, foi desenvolvido para funcionar em todas as bandas e, principalmente, simultaneamente. “Há aplicações distintas que se complementam e podem funcionar na rede pública ou em redes privadas”, exemplificou. Amon enfatizou que o 5G será uma plataforma multisserviço e exigirá muito espectro. Sobre o Brasil, o executivo pediu regras claras para a adoção, o quanto antes, da nova tecnologia. Assistam a entrevista.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

19/11/2019
Americanet define 5G como estratégico no seu negócio

18/11/2019
5G: Com testes favoráveis a filtros, teles rejeitam banda Ku como saída para 3,5 GHz

12/11/2019
Datora se prepara para participar do leilão 5G

12/11/2019
Leilão 5G terá mínimo de 50 MHz para cada licitante

11/11/2019
5G exige políticas públicas e apoio do Governo

11/11/2019
Redes privadas no 5G impulsionam o crescimento econômico do País

11/11/2019
Satélites vão ter papel central no ecossistema do 5G

08/11/2019
Teles não podem repetir 4G e serem engolidas pelas OTTs no 5G

08/11/2019
Ericsson: 72% dos decisores querem 5G em 2020 no Brasil

07/11/2019
Anatel adia e edital do 5G tende a ficar para 2020

Destaques
Destaques

Redes privadas no 5G impulsionam o crescimento econômico do País

“Nas quatro verticais indicadas pelo governo as redes privadas podem ter impacto forte. Por isso a abertura regulatória é muito importante”, defende a gerente da Qualcomm, Milene Pereira. 

5G já trouxe aumento de receitas para as operadoras

“Na Coreia, são 3,5 milhões de clientes em seis meses, 1 milhão com serviços de valor adicionado. Em apenas um trimestre as operadoras aumentaram as receitas em 2%”, afirma o diretor de soluções da Huawei, Carlos Roseiro. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Carro autônomo: decisões baseadas em dados vão evitar acidentes?

Por Rogério Borili *

O grande debate é que a inteligência dos robôs precisa ser programada e, embora tecnologias como o machine learning permitam o aprendizado, é preciso que um fato ocorra para que a máquina armazene aquela informação daquela maneira, ou seja, primeiro se paga o preço e depois gerencia os danos.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site