SEGURANÇA

Para indústria, reprovação de Bolsonaro à tomada de três pinos é retrocesso

Convergência Digital ... 19/06/2019 ... Convergência Digital

O governo federal anunciou que vem aí mais uma reforma, a revogação da norma técnica que obriga o uso da tomada de três pinos no país. Mas esse novo tema de aparente importância capital para o governo de Jair Bolsonaro enfrenta resistência da indústria elétrica, manifestada em queixa da Abinee. 

“O retorno à situação anterior representa um retrocesso na prevenção de acidentes. Além disso, a mudança já foi assimilada pelo consumidor e uma alteração agora traria ônus à população. A atual discussão é contraproducente”, afirma a entidade, em nota. 

Segundo a Abinee, o uso do terceiro pino, na prática um ‘fio terra’, em tomadas e plugues teve impacto na redução de acidentes. “Entre 2000 e 2010, antes da adoção do padrão, a média anual de acidentes fatais provocados por choques elétricos era de 1,5 mil ocorrências. Hoje (números de 2018), a média é de 600 ocorrências anuais, uma queda de 150%.”

“Hoje não há um padrão internacional único estabelecido como regra. Dessa forma, todo país que preza por normas organizadas desenvolveu seu próprio padrão, de acordo com as características de seus mercados. Os exemplos abaixo demonstram que os países dispõem de modelos diversos de tomadas de três pinos para proteção das pessoas e instalações.  Hoje existem mais de 110 existentes formatos vigentes”, completa a Abinee. 


NEC - Conteúdo Patrocinado - Convergência Digital
Multibiometria: saiba como ela pode cuidar da sua segurança digital

Plataforma Super Resolution, que integra espaços físicos e digitais, será apresentada pela primeira vez no Brasil no Futurecom 2018. Um dos usuários da solução é o OCBC Bank, de Cingapura. A plataforma permite o reconhecimento instantâneo das pessoas à medida que se aproximem da agência.

TSE convoca profissionais de TI para testar segurança das urnas eletrônicas

Evento ocorrerá no período de 25 a 29 de novembro, na sede do TSE, em Brasília. Inscrições vão, agora, até o dia 22 de setembro.

Governo: LGPD vai reavaliar o uso e o tratamento de dados

Para o coordenador geral do Centro de Tratamento de Incidentes de Redes de Governo, major Democlydes Carvalho, assim como o trânsito se tornou mais civilizado com a regulação, o mesmo vai acontecer com a segurança de dados a partir da vigência da Lei de Dados Pessoais.

LGPD: 'Invistam o máximo possível capacitação", aconselha especialista

Para o diretor de governança do Imperial College de Londres, Okan Kibaroglu, organizações, públicas ou privadas, precisam de um despertar generalizado para a proteção de dados.

Pirataria do Windows e malware são os golpes mais usados no Brasil

Empresa de segurança Kaspersky informa que bloqueia 22 ataques por segundo no País. Dois entre três ataques usam a mesma vulnerabilidade do WannaCry.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G