Convergência Digital - Home

Computação em nuvem protagoniza investimentos no Brasil

Convergência Digital
Luís Osvaldo Grossmann - 25/04/2019

A perspectiva do setor de tecnologias da informação e comunicações é de aumento dos investimentos ao longo dos próximos anos. Segundo dados divulgados pela Brasscom, são R$ 345,5 bilhões até 2022, com crescimento anual a taxa de quase 20% ao ano.

Entre elas, algumas tecnologias se destacam. Para além do protagonismo da computação em nuvem, que responde por R$ 77,8 bilhões das projeções de aporte e uma alta anual de 26%, os números ressaltam os investimentos previstos em internet das coisas, que somarão R$ 155,2 bilhões (alta de 19% a.a.).

Muito significativa é a fatia do segmento de Big Data e Analytics, que somará aportes de R$ 61,1 bilhões e tem uma previsão de crescimento anual de 10% até 2022. Em inteligência artificial, que deve experimentar 29% ao ano de crescimento, os investimentos deverão bater nos R$ 2,5 bilhões.

“A estrela do setor hoje é o avanço das ofertas de nuvem. Mas vale destacar também o aparecimento de investimentos em blockchain, na casa de R$ 1,4 bilhão e que deve apresentar crescimento de 64% ao ano”, afirma o presidente executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


LEIA TAMBÉM:
Destaques
Destaques

Uma empresa utiliza, em média, 1295 serviços na nuvem

Relatório Netskope Cloud Report aponta que as três principais violações de política detectadas em serviços de nuvem corporativa incluem Prevenção a Perda de Dados (DLP), política de atividade na nuvem e, violações de atividade atípica.

Nuvem pública é usada no Brasil para back-up de dados e fluxos locais

A terceira edição da pesquisa Global Data Protection Index, encomendada pela Dell Technologies, mostra ainda que mais de 70% das empresas de médio e grande porte registraram incidentes com dados no Brasil, com um prejuízo médio de R$ 1,5 milhão.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

As lições do buraco negro e da análise de dados às empresas

Por Paulo Watanave*

O fato é que por trás das aplicações e sistemas usados nas operações já existe um grande e variado conjunto de insights e algoritmos que podem ser usados para gerar valor real às organizações e para as pessoas de um modo geral. Estima-se que menos de 10% das companhias em todo o mundo tenham estratégias bem definidas para a utilização dos recursos digitais e das informações.

Edge Computing para acelerar os negócios das empresas brasileiras

Por Henrique Cecci*

O que é, afinal, Edge Computing? Trata-se da aplicação de soluções que facilitam o processamento de dados diretamente na fonte de geração de dados. No contexto da Internet das Coisas (IoT), por exemplo, as fontes de geração de dados geralmente são "coisas" com sensores ou dispositivos incorporados.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site