INOVAÇÃO

Governo prepara marco legal para fomento às startups

Luís Osvaldo Grossmann ... 09/04/2019 ... Convergência Digital

O Ministério da Economia pretende lançar ainda no mês de abril uma consulta pública com medidas para um marco legal voltado às startups. Segundo o secretário de indústria, comércio, serviços e inovação do ME, Caio Megale, o plano é chegar até o fim do primeiro semestre deste 2019 com medidas concretas para melhoria do ambiente de negócios, inclusive projetos de lei e ajustes infralegais.

“O texto está pronto. Mas como na agenda dos primeiros 100 dias de governo já tem muita coisa, vamos deixar passar um pouco, mas vamos soltar até o fim do mês. Será um marco legal para o empreendedor inovador”, afirmou o secretário nesta terça, 9/4, depois de participar de painel promovido pelo portal Telesíntese, em Brasília.

Segundo explicou, as propostas atacam quatro eixo: ajustes na legislação trabalhista para as características específicas das startups – como a remuneração por opções de ações; outro sobre estímulo às empresas inovadoras por meio de compras públicas; um terceiro eixo de ambiente de negócios, com a própria definição do que é uma startup; e finalmente um eixo de facilitação de investimentos.

“A gente pode facilitar o acesso a certos bolsões de recursos, usando fundos para o ecossistema. Já fizemos uma mudança na Lei de Informática que permitiu que recursos de P&D sejam direcionados para startups ou para fundos de investimento em inovação. A ideia é fazer a mesma coisa nos recursos de petróleo e gás, energia elétrica. E também existem propostas relacionadas à própria Lei do Bem, de forma que possa usar recursos em startups e FIP com recursos da Lei do Bem”, explicou Megale.



BC: Pagamento pelo WhatsApp terá de provar proteção aos dados

"Um arranjo que começa com 120 milhões de clientes não é pequeno", explicou Roberto Campos Neto.

Empresas nacionais reclamam da burocracia e deixam de investir em Inovação

Em pesquisa do Instituto Eldorado, empresas alegam que os instrumentos de fomento são burocráticos ou desconhecidos. Mais da metade das companhias ouvidas assumem que estão investindo menos em novas tecnologias.

Indústria de semicondutores reage à liquidação da Ceitec

Em nota, associação nacional do setor indica “preocupação” com a medida. “Liquidação distanciará ainda mais o Brasil do conhecimento de ponta.”

OBr.Global promove bootcamps Live sobre empreendedorismo

Aceleradora, especializada em internacionalização das empresas, ensinará técnicas adotadas no Vale do Silício, nos EUA.

Política de informática foi feita para o hardware, mas deu certo com o software

Para Sílvio Meira, a estratégia que o Brasil quer desenhar para Inteligência Artificial precisa desafiar à produção nacional para trazer os resultados pretendidos.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G