TELECOM

Operadoras competitivas precisam ganhar dinheiro ao fim do dia

Ana Paula Lobo e Rodrigo dos Santos ... 19/11/2018 ... Convergência Digital

As operadoras competitivas precisam ganhar dinheiro ao fim do dia e para que isso aconteça, a Anatel precisa cuidar de temas como direito de passagem, linhas de créditos à construção de infraestrutura e, especialmente, fomentar o compartilhamento de redes.

"Avançamos com todas as dificuldades. O Brasil está ampliando redes de fibra óptica, mas o custo de direito de passagem é absurdo. Em São Paulo, fica em R$ 40 mil nas rodovias", lamenta o executivo da CenturyLink e Presidente do Conselho da TelComp, Luiz Henrique Barbosa da Silva.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, durante o XI Seminário TelComp, realizado no dia 13 de novembro, em São Paulo, o executivo observou que Telecomunicações fomenta o desenvolvimento de todos os setores da economia e precisa ser olhado com atenção pelo Governo.

Para Da Silva, o momento é de mudar o ambiente regulatório e renovar o modelo. "Se não tiver Telecom, não há indústria 4.0. O Brasil ficará fora do jogo mundial da economia digital", sustenta. Assistam a entrevista com o presidente do Conselho da TelComp, Luiz Henrique  Barbosa da Silva.


Internet Móvel 3G 4G
Leilão 5G na Alemanha já supera 6 bilhões de euros

Licitação, que está na 10ª semana, superou todas as expectativas de arrecadação, mas provoca dúvidas sobre a capacidade financeira dos vencedores para investir na construção das redes.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Telefônica: gap digital é enorme no Brasil

Ao participar do Painel Telebrasil 2019, o presidente da Telefônica/Vivo, Christian Gebara, disse que  a empresa manterá os investimentos no Brasil, mas advertiu que é urgente criar um ambiente mais favorável aos investimentos. Gebara lembrou que 87% dos municípios brasileiros não contam com conexões acima de 34Mbps disponíveis.

Presidente do Senado quer votar marco de telecom até junho

"Estamos buscando o entendimento para ainda neste semestre resolvermos essa matéria e entregarmos ao Brasil a capacidade de investir R$ 20 bilhões, R$ 30 bilhões", disse Davi Alcolumbre às teles durante o Painel Telebrasil 2019.

Leilão do 5G inclui quatro faixas e será o maior da história da Anatel

Proposta que chega ao conselho diretor da agência elenca 3.600 MHz de radiofrequências para o leilão previsto para o primeiro trimestre de 2020. “Quanto maior a disponibilidade, menor será o custo de levar essa capacidade”, afirma o presidente da agência, Leonardo de Morais.

Anatel vai permitir que roteadores WiFi tenham potência maior

“Hoje temos uma limitação de 200 miliwatts na faixa de 5150 a 5350 MHz, limitando o uso apenas indoor, sendo que na faixa superior temos possibilidade de uso de até 1 Watt de potência. Plano é deixar esse limite flat”, explica o gerente de espectro da agência, Agostinho Linhares.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G