Home - Convergência Digital

Adriano Meira Ricci assume BB Tecnologia. Jacson Barros comanda DATASUS

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 19/02/2019

O Conselho de Administração da BBTS, Banco do Brasil Tecnologia e Serviços, elegeu o funcionário de carreira do Banco Adriano Meira Ricci para mais um mandato como presidente da diretoria executiva. Ele já tinha comandado a empresa, então Cobra Tecnologia, entre 2010 e 2012.

Ricci é funcionário do Banco do Brasil desde 1984, onde ingressou aos 14 anos, e além da própria BBTS estava à frente da diretoria de micro e pequenas empresas do banco desde janeiro de 2018. No BB, Ricci já passou pelas diretorias de segurança institucional, de crédito e ainda de reestruturação de ativos operacionais.

Outra mudança no setor de TICs é no comando do departamento de informática do Sistema Único de Saúde. O novo diretor do Datasus é Jacson Venâncio de Barros, da Faculdade de Medicina e também do Hospital das Clínicas  da USP – onde estava à frente da Diretoria Corporativa de TI do maior complexo hospitalar da América Latina.

Também membro efetivo da Câmara Técnica de Informática em Saúde do Conselho Federal de Medicina, Barros participou do desenvolvimento da nova política de Telemedicina e da digitalização do Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP).

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

15/05/2019
São Francisco proíbe polícia de usar reconhecimento facial

08/05/2019
Sem qualificação em TICs, Brasil ficará com os piores empregos, aponta MCTIC

02/05/2019
Mais de meio milhão de brasileiros trabalham com TICs

05/04/2019
Governo faz opção preferencial pela nuvem em contratos de TI

20/03/2019
Assespro: Governo tem a obrigação de assumir papel de indutor da TICs

19/02/2019
Adriano Meira Ricci assume BB Tecnologia. Jacson Barros comanda DATASUS

21/09/2018
ITA vai capacitar servidores da Anatel em Big Data, Analytics, IoT

19/09/2018
Cada US$ 1 investido em tecnologias digitais adicionou US$ 20 ao PIB

10/09/2018
Empregos em TI dobram em 10 anos e passam de 500 mil no Brasil

17/08/2018
Uber promete investir R$ 250 milhões no Brasil em cinco anos

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O futuro do trabalho colocado à prova

Por Luiz Camargo*

Novas profissões exigem também novas habilidades para acompanhar a revolução digital. Os novos empregos certamente irão demandar habilidades analíticas, matemáticas e digitais, com um toque de neurociência.

Destaques
Destaques

Assespro é contra a regulamentação da profissão de TICs

Entidade das empresas de TI se posiciona contrária ao PLS 317/17. que passa a exigir diploma de profissões como Analista de Sistemas, desenvolvedor, engenheiro de sistemas, analistas de redes, administrador de banco de ados, suporte e profissões correlatas.

Brasscom: É urgente incluir computação no currículo do ensino médio e fundamental no Brasil

Apenas Internet das Coisas, vai gerar uma demanda de 107 mil profissionais que não estão disponíveis no Brasil, adverte o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.

TI precisa de 420 mil novos profissionais até 2024

Formação de mão de obra, que já sofre para atender a demanda, vai ficar longe dos 70 mil novos empregos por ano. IoT, Big Data e segurança são áreas de maior demanda.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site