Convergência Digital - Home

FGV do Rio abre inscrição para vestibular para Ciência de Dados

Convergência Digital
Convergência Digital* - 19/08/2019

A Escola de Matemática Aplicada da Fundação Getulio Vargas, no Rio de Janeiro, lança no primeiro semestre de 2020 o curso de graduação em Ciência de Dados, o primeiro do país. O programa, dessa forma, fornece, base sólida para quem aspira trabalhar no mercado corporativo ou quer prosseguir na carreira acadêmica, como pesquisador.

A análise intensiva de dados e a geração de conhecimento para a tomada de decisões são competências hoje imprescindíveis. Segundo pesquisa da MIT Sloan Management Review, 60% das companhias entrevistadas promovem treinamento em ciência de dados e 50% considera que transformar insights analíticos em negócios é um de seus maiores desafios.

Ao longo do curso, os alunos terão contato com questões que envolvem o Aprendizado de Máquinas, Modelagem Estatística, Processamento de Linguagem Natural, Visualização; assim como aplicações em Epidemiologia, Economia e Finanças, entre outras.

Um dos diferenciais da graduação em Ciência de Dados é a abordagem de um vasto repertório de conceitos, métodos e técnicas matemáticas, estatísticas e de computação, que capacitam os futuros profissionais a prestar assessoria e a fazer análises qualificadas, além de produzir, gerenciar e analisar grandes bases de dados.

O curso, de acordo com a FGV, tem como objetivo dotar os alunos de habilidades e competências necessárias para trabalhar em empresas de tecnologia, varejo, bancos de investimento, organizações não-governamentais, consultorias, empresas multinacionais, mídia e comunicação, além de carreiras em pesquisa.

"A nova graduação em Ciência de Dados oferecerá aos alunos uma trajetória inovadora para sua formação. Sendo o primeiro curso no Brasil nessa área, o objetivo é garantir a excelência da nossa graduação. Nossos alunos serão capacitados para, ao invés de somente utilizarem ferramentas e pacotes comumente disponíveis, aprenderem a criar suas próprias ferramentas analíticas através de ambientes de programação. Eles aprenderão todos os fundamentos matemáticos, estatísticos e computacionais necessários para exercer essa profissão moderna", destaca o professor Yuri Saporito, coordenador do curso.

A iniciativa da EMAp representa uma ponte fundamental entre a área acadêmica e o mercado de tecnologia e inovação empresarial. o corpo docente é formado por professores com doutorado e pós-doutorado em instituições que exercem liderança internacional na área e têm ampla experiência em pesquisas aplicadas, bem como em consultorias para empresas privadas e setor público.

Serão abertas 40 vagas para a primeira turma de Ciência de Dados – 32 vagas por meio do vestibular FGV e 8 vagas pelo ENEM. O curso é presencial e tem 2.610 horas (quatro anos de duração). As inscrições para o vestibular já estão abertas e se encerram no dia 8 de outubro. Devem ser feitas pelo site fgv.br/vestibular .


Destaques
Destaques

Rio de Janeiro terá licitação de nuvem para dados abertos do Governo

Processo está sendo conduzido pelo Ministério Público do Rio de Janeiro e ganhou 'musculatura' com a adesão do governo do Estado, revela o procurador geral da Justiça, José Eduardo Gussem.

Zipp, supermercado 100% online, expande operação com análise de dados em tempo real

Com atuação em Niterói e no Rio de Janeiro, a rede quer expandir para São Paulo em 2020 e tem a tecnologia como ponto central da estratégia.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

As lições do buraco negro e da análise de dados às empresas

Por Paulo Watanave*

O fato é que por trás das aplicações e sistemas usados nas operações já existe um grande e variado conjunto de insights e algoritmos que podem ser usados para gerar valor real às organizações e para as pessoas de um modo geral. Estima-se que menos de 10% das companhias em todo o mundo tenham estratégias bem definidas para a utilização dos recursos digitais e das informações.

Edge Computing para acelerar os negócios das empresas brasileiras

Por Henrique Cecci*

O que é, afinal, Edge Computing? Trata-se da aplicação de soluções que facilitam o processamento de dados diretamente na fonte de geração de dados. No contexto da Internet das Coisas (IoT), por exemplo, as fontes de geração de dados geralmente são "coisas" com sensores ou dispositivos incorporados.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site