NEGÓCIOS

Gastos de TI: PCs e celulares perdem o estrelato para Internet das Coisas e nuvem

Ana Paula Lobo* ... 31/01/2019 ... Convergência Digital

Os gastos mundiais com serviços e produtos de Tecnologia da Informação (TI) devem alcançar US$ 3,76 trilhões em 2019, um aumento de 3,2% em relação a 2018, de acordo com projeções do Gartner. A consultoria sustenta que o cenário é de crescimento, apesar das incertezas econômicas, das guerras comerciais e do possível impacto do Brexit na Europa.

"Há muitas mudanças dinâmicas acontecendo em relação a quais segmentos impulsionarão o crescimento no futuro. Os gastos estão passando de segmentos saturados como telefones celulares, PCs e infraestrutura de data center para serviços em nuvem e dispositivos de internet das coisas (IoT). Os dispositivos de IoT, em particular, estão começando a reduzir a folga dos dispositivos. Onde o segmento de dispositivos está saturado, a IoT não está", assinalou o vice-presidente de pesquisas do Gartner, John-David Lovelock.

O especialista observa que a TI deixou de ser uma plataforma que permite às organizações executarem seus negócios, para se tornar o motor que move a corporação para os negócios digitais que avançam. Com a nuvem em alta, os software corporativos continuarão a apresentar forte crescimento, com gastos mundiais de software projetados para crescer 8,5% este ano.

Nas compras de TI, o Gartner reporta ainda que há uma mudança de comportamento das empresas: as habilidades da equipe interna começam a ficar para trás à medida que as organizações adotam novas tecnologias como dispositivos de IoT, para impulsionar os negócios digitais. “Quase metade da força de trabalho de TI tem necessidade urgente de desenvolver habilidades ou competências. Os requisitos de habilidade para acompanhar as novas tecnologias como inteligência artificial (AI), machine learning, API e design de plataforma de serviços e ciência de dados estão mudando mais rápido do que já vimos antes”, advertiu Lovelock.







Crescem fusões e aquisições de internet e TI

Segundo relatório da KPMG, ano de 2018 registrou 62 empresas estrangeiras adquirindo brasileiras na web.

CADE diz que conluio de empresas de cabos submarinos prejudicou o Brasil

Exsym Corporation, LS Cable LTD, Nexans, Prysmian S.p.A, Taihan Electric Wire e Viscas Corporation teriam dividido entre si territórios e projetos, discutido e combinado preços a serem cotados em projetos específicos.

TI avança dois dígitos e mercado de TICs tem crescimento previsto de 4,9% no Brasil

Projeção otimista é da IDC Brasil. "O mercado está dizendo que vai ter mais budget, que está mais otimista", afirmou Pietro Delai, gerente de consultoria e pesquisa da consultoria.

Metade dos PCs do mundo roda com software desatualizados

Relatório aponta que 55% dos usuários de PCs negligenciam a parte de segurança das suas aplicações. Um dos aplicativos menos atualizado é o Skype. Estudo também mostra que mais de 20% dos usuários Windows usam versões antigas e/ou não mais suportadas pela Microsoft.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G