Home - Convergência Digital

Brasileiros têm carro autônomo como objeto de desejo

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 27/03/2018

Caso uma das gigantes de tecnologia como Google e Apple lançassem um carro no mercado brasileiro, a maioria dos consumidores locais, ou quase 67% deles, trocaria sua marca atual e tradicional pela novidade, revela a 17ª edição da pesquisa Cars Online Report, da Capgemini, chamada de “Beyond the Car”, realizada globalmente com mais de 8 mil entrevistados, dos quais 1.005 deles brasileiros pela Capgemini.

O levantamento aponta ainda que o forte papel das redes sociais na compra de automóveis no Brasil pode ser medido pela influência de comentários positivos nas redes, algo como 71% o observam com ênfase – 36% acham a influência ”muito provável” e outros 35% admitem que é “bem provável”. Entre os consumidores brasileiros, 56% deles consideram que os serviços de aplicativos são complementares a compra de um automóvel novo – exatamente como acontece no mundo.

O relatório mostra ainda que os brasileiros acreditam nos veículos autônomos, uma vez que 88% dos consultados no País têm esse desejo exposto na pesquisa. A crença nos carros autônomos é explicada assim: 58% deles esperam ter menos estresse – o maior índice dentre todos os oito países pesquisados – e 56% pelo aumento da segurança e risco reduzido, algo bem abaixo dos 72% verificados em outros mercados emergentes. A cibersegurança virou tema também nos carros autônomos. Isso porque 68% dos brasileiros consideram a segurança como protagonista na hora de definir uma aquisição.

Indagados sobre a possibilidade de compartilhamento de informações, 34% dos donos de carros no Brasil admitem o compartilhamento de informações caso conseguissem algum incentivo ou serviço, enquanto algo como 31% o fariam de forma anônima para fins de pesquisa ou estatística e outros 25% não teriam restrições com relação ao uso. A pesquisa Cars Online contou com a participação de mais de 8 mil consumidores do Brasil, Alemanha, China, Estados Unidos, França, Índia, Itália e Reino Unido.

 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

17/05/2019
Brasil fica em último lugar em ranking de uso para carros autônomos

13/05/2019
Brasil tem parcela em reconhecimento facial usado pelo 99 para motoristas

08/05/2019
Edital busca empresas para apoiarem startups em projetos de R$ 200 mil

30/04/2019
Smartphones puxam demanda global por carregadores sem fio

17/04/2019
Ministério da Economia seleciona 105 startups para aceleração

16/04/2019
Brechas legais para reconhecimento facial exigem autoridade de dados forte

10/04/2019
Brasil puxa crescimento de 21% no uso de robôs na América Latina

09/04/2019
Governo prepara marco legal para fomento às startups

08/04/2019
Softex tem R$ 18 milhões para projetos em IoT, saúde, energia e mobilidade

27/03/2019
Câmara cria subcomissões sobre cibersegurança, biometria e inovação

Destaques
Destaques

Com 5G, Internet das coisas entra no radar dos bancos no Brasil

Muitas instituições financeiras estão com a área de inovação trabalhando para entender como usar a Internet das Coisas em seus serviços, diz o diretor de Tecnologia da Federação Brasileira de Bancos, Febraban, Gustavo Fosse.

País ativa 2 milhões de chips 4G por mês

Primeiro trimestre do ano terminou com 136 milhões de acessos LTE ativos, ou praticamente 60% dos celulares em serviço.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

O potencial pouco explorado da Internet das Coisas

Por Daniel Kriger*

A grande mudança que a Internet das Coisas (IoT – Internet of Things) trará para a vida das pessoas está além da facilidade de se preparar um café, programar um banho quente ou economizar na conta de luz. Dar conectividade a objetos e abrir espaço para comandos inteligentes em inúmeras tarefas do dia a dia é um dos principais propósitos de IoT. Mas não é só isso.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site