Convergência Digital - Home

HP abre versão beta do Cloud Services

Convergência Digital
Da redação - 01/02/2012

A HP anunciou nesta segunda-feira, 30/01, a disponibilidade em beta do HP Cloud Services, ambiente em nuvem da companhia. O lançamento é visto por analistas como o primeiro passo da companhia para ocupar seu espaço no setor de serviços web baseados em nuvem.

No anúncio formal do lançamento, a HP disse que os Cloud Services prometem uma infraestrutura pública em nuvem classe corporativa, que é baseada em padrões abertos e focada em desenvolvedores.

“Nossas ofertas iniciais de infraestrutura como serviço (IaaS), a HP Cloud Compute e a HP Cloud Object Storage, foram construídas sobre software e hardware da própria HP, com integração amigável a desenvolvedores baseada em tecnologia OpenSatck, que conta com um excepcional suporte ao usuário”, disse a companhia em comunicado.

A HP planeja prover acesso a partir de seu próprio data center via APIs (Application Program Interfaces) baseadas na arquitetura REST (Representational State Transfer) e vai oferecer ferramentas de software open source baseadas no padrão OpenStack, o que deve incluir também serviços móveis. Os desenvolvedores estarão livres para usar uma variedade de ferramentas e linguagens, como Ruby, Java, PHP e Python.

Em sua nova oferta, a HP começa com dois serviços chave. O HP Cloud Compute vai permitir o desenvolvimento de máquinas virtuais e sob demanda com instâncias computacionais customizadas, permitindo escalar e mudar workloads com facilidade.

Já o HP Cloud Object Storage vai prover armazenamento online sob demanda, que segundo a fabricante é ideal para arquivo e backup de conteúdo estático de aplicativos web e mídia. Para acessar os serviços, a HP pede um cartão de crédito válido, mas nenhuma cobrança será feita durante o período beta.

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email Addthis

Destaques
Destaques

Open Stack conquista o coração e o bolso das corporações

A possibilidade de personalizar o código-fonte para desenvolver aplicativos é o motivo mais forte apontado para a adesão ao open source pelas empresas latino-americanas.

Pública ou privada, a nuvem é incorporada à TI dos bancos

"Se algum banco não aceita é problema dele", diz José Antônio Eirado Neto, da Caixa. "Interoperabilidade ainda nos desafia", pontua Marino Aguiar, do Santander. Já Maurício Minas, do Bradesco, defende a nuvem pública, mas assume: "não faz sentido se desfazer do que foi construído no mainframe".



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O uso inteligente do Big Data a favor da indústria

Por Marlos Bosso*

Os impactos da revolução 4.0 são inevitáveis. Identrificar o que está por vir é o desafio dos executivos.

Produzimos mais dados do que a capacidade de armazená-los

Por Thiago Franco*

Será que a demanda digital romperá com os limites físicos dos datacenters em curto prazo? Nos últimos anos, muitos especialistas têm tentado responder a esta pergunta.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site