Home - Convergência Digital

Instituto Embraer cria novo colégio em Botucatu

Convergência Digital - Carreira
Da redação - 16/03/2012

O Instituto Embraer de Educação e Pesquisa anunciou hoje a construção de uma nova unidade do Colégio Embraer, escola modelo focada na excelência acadêmica para alunos egressos da rede pública de ensino. Com um investimento de cerca de R$ 5 milhões, o novo Colégio Embraer terá capacidade para 360 alunos e será localizado ao lado da Unidade Embraer Botucatu, no interior de São Paulo, em terreno cedido pela prefeitura.

O Colégio será aberto para a primeira turma no início de 2013. Terá o nome Colégio Embraer – Casimiro Montenegro Filho, em homenagem a um dos idealizadores do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA). O Marechal Casimiro Montenegro Filho se destacou por sua visão dedicada aos resultados da educação na agregação de valor à sociedade, o que norteia também as ações do Instituto Embraer desde sua criação há mais de 10 anos.

A nova escola funcionará nos mesmos moldes do Colégio Embraer – Juarez Wanderley, em São José dos Campos, que já formou 1.600 alunos desde sua criação em 2002. Integralmente mantido pelo Instituto Embraer, o colégio é um dos cinco melhores do Estado de São Paulo, segundo o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) de 2010. Seus alunos têm conquistado 100% de aprovação nos vestibulares, sendo mais de 80% nas universidades públicas.
 
O Colégio Embraer – Casimiro Montenegro Filho beneficiará alunos egressos da rede pública de Ensino Fundamental de Botucatu, município localizado a 240 km da capital paulista, e outras sete cidades da região: Anhembi, Areiópolis, Bofete, Itatinga, Pardinho, Pratânia e São Manuel.

“Desde 2004, executamos diversos projetos com foco em educação na região”, afirmou Pedro Ferraz, Diretor Superintendente do Instituto Embraer. “Hoje, damos mais um grande passo com o lançamento da segunda unidade do nosso bem-sucedido Colégio Embraer, ampliando significativamente as ações sociais da Empresa nas comunidades onde atua.”

O modelo educacional, desenvolvido e aperfeiçoado ao longo dos dez anos de atividade do primeiro Colégio Embraer, fundamenta-se em três objetivos: excelência acadêmica, orientação para o mundo do trabalho, e formação cultural, social e ambiental. O novo Colégio terá o mesmo projeto pedagógico e de gestão, com salas de aula, biblioteca e modernos laboratórios. A jornada escolar diária será de 10 horas e todos os alunos receberão, gratuitamente, alimentação no local, uniforme, transporte e material didático. O processo seletivo para admissão será realizado anualmente, a partir do terceiro trimestre de 2012, por instituição independente.

A Embraer atua em Botucatu desde 1980, quando incorporou as atividades da Indústria Aeronáutica Neiva. A unidade conta atualmente com cerca de 1.800 empregados e é responsável pela produção, comercialização e suporte do avião agrícola Ipanema, fabricação de peças e estruturas para jatos comerciais e executivos, e montagem da estrutura da fuselagem do Super Tucano, avião de treinamento avançado e ataque leve.

O Instituto Embraer de Educação e Pesquisa, desde a sua criação, em 2001, direciona suas ações para iniciativas que contribuam para o processo de inclusão social através da educação. A atuação do Instituto Embraer se dá, predominantemente, em duas áreas: projetos educacionais oferecidos a alunos da rede pública e projetos de melhoria do processo de gestão, voltados para organizações da sociedade civil, ONG e escolas da rede pública.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O help desk como porta de entrada para altos cargos em TI

Por Leonard Wadewitz*

Técnicos de help desk precisam ser capazes de trabalhar com todas as tecnologias em que uma empresa investe. Isso inclui sistemas operacionais, aplicativos, redes, hardware e software, o que exige um real e profundo conhecimento dessas tecnologias.

Destaques
Destaques

Cientista de dados: o especialista que as empresas cobiçam

Pesquisa mostra que os salários na área podem variar de R$ 5 mil a R$ 30 mil. A interação entre os mundos digital e físico também abre a busca por mão de obra.

Ambiente de trabalho em TI não é amigável às mulheres

Aulas de tecnologia não são suficiente para atrair as jovens para a profissão. Nos EUA, por exemplo, apenas 25% dos postos de trabalhos na área são ocupados pelo sexo feminino.

Em tempo de crise, COBOL fica mais vivo do que nunca

O desafio dos gestores de TI é integrar os sistemas legados aos novos de computação em nuvem e mobilidade. Dados mostram que, hoje, 1,5 milhão de linhas de códigos são escritas na linguagem de programação no mundo.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site