GOVERNO » Política Industrial

Brasscom: Definição de software nacional pode prejudicar exportações

Luís Osvaldo Grossmann ... 11/04/2012 ... Convergência Digital
Para o representante da Brasscom, Edmundo Machado, é preciso cautela nas discussões sobre uma definição do que é software nacional - a ser objeto das políticas públicas e incentivos.

Machado, que também participou da audiência pública sobre software, realizada nesta quarta-feira, 11/04, no Senado, lembra que a produção de software é uma atividade complexa que exige capital intensivo. “Vencem as plataformas globais”, afirmou.

“Criar uma definição de software nacional pode criar contrapartidas, por exemplo, quando a TOTVS for vender no México pode sofrer o mesmo tipo de restrições”, sustentou, citando além desta empresa outros “campeões” que vendem no mercado externo.

Fenainfo: Patente nacional é crucial

Por sua vez, a Fenainfo advertiu que as empresas internacionais de TI são grandes beneficiárias das políticas públicas brasileiras de incentivo ao setor. "Empresas estrangeiras se aproveitam das condições e garantem até recursos da Finep”, sustentou o prsidente da entidade, Márcio Girão.

Apesar de atrair empresas para o país, Girão lembra que há um ponto fraco nessa política: os ganhos pela “inteligência” no desenvolvimento vão para os países de origem das múltis. “Todas as patentes das empresas estrangeiras são registradas fora do país”, reclamou.

Segundo ele, há espaço para que seja privilegiada a tecnologia nacional, inclusive com ganhos de escala. “Nosso mercado interno é equivalente ao mercado externo indiano”, destacou.


Call centers alegam que aumento no PIS/Cofins cortaria 5% do faturamento

Segmento adere a grita do setor de serviços contra os estudos anunciados pelo Ministério da Fazenda de correção do tributo para compensar perdas de receitas.

Serpro/ITI iniciam atualização dos certificados SSL dos sites do Governo

Instituto Nacional de Tecnologia da Informação informa que serão emitidos certificados digitais na cadeia v2 pela ACSerpro para encerrar as menasgens 'esta conexão não é confiável' nos sites do governo federal. Entidade, no entanto, não divulgou um cronograma de atualização.

MCTIC precisa de R$ 2 bi para fechar ano e fala em 'pressão saudável' por recursos

"Temos que trabalhar, lutar e pressionar, porque não é um recurso que surge do nada. É um recurso muito disputado", advertiu o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab.

Abinee:"Com a nova TLP, o futuro da indústria é bastante nebuloso no Brasil"

Associação da Indústria Elétrica Eletrônica sustenta que a nova Taxa de Longo Prazo (TLP), no lugar da Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), aprovada na MP 777, vai afetar 69% das empresas do setor que utilizam financiamentos do BNDES como fornecedoras de máquinas, equipamentos, sistemas e componentes.

Assespro e Brasscom defendem sistema distrital misto para a Reforma Política

Em comunicado conjunto, as entidades do setor de TI se mostram contra o financiamento político por parte do Estado e querem as cláusulas de barreira apenas em 2022. "É preciso darmos uma opinião setorial porque é uma reforma estruturante", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G