Home - Convergência Digital
Veja mais
Veja mais

Cisco tem nova diretora de Commercial no Brasil

Convergência Digital - Carreira
Da redação - 04/05/2012

Ana Claudia Plihal acaba de assumir a direção da área de Commercial da Cisco no Brasil. A executiva será responsável pela atuação da Cisco no mercado empresarial de médio porte e no segmento de pequenas e médias empresas, expandindo a base de parceiros por meio do programa Cisco Partner-Led, que reforça a estratégia de atuação  no mercado com a intensa colaboração com seus canais.

A executiva, que responderá diretamente ao presidente da Cisco no Brasil, Rodrigo Abreu, substitui Marco Sena, diretor de Commercial para América Latina, que acumulava a função também no país.

Ana Claudia trabalhou na Microsoft nos últimos 14 anos, sendo que há três anos era responsável por canais e distribuição do segmento de clientes de pequeno e médio porte. Antes disso, a executiva ocupou posições como gerente de Produtos, gerente de Vendas para o Mercado de Médias Empresas, entre outras. Antes da Microsoft, ela foi gerente de Marketing de Produto da Oracle.

Ana Cláudia é graduada em Administração de Empresas e Ciência da Computação pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e Marketing Estratégico pela ESPM. 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Quatro lições para dar coragem e autonomia às pessoas

Por Amanda Matos Cavalcante*

As pessoas são os principais e mais importantes ativos de uma corporação.

Destaques
Destaques

Um em cada cinco trabalhadores dependerá da Inteligência Artificial

Confundir IA com automação por conta das previsões pessimistas de perdas de emprego ofusca o maior benefício da tecnologia, adverte o Gartner. Consultoria projeta a criação de dois milhões de novos postos de trabalho, por conta da IA, até 2025.

Linguagem C desbanca Java e Python e assume liderança entre os desenvolvedores

Índice Tiobe mostra ainda que há novas linguagens ganhando força, entre elas, a R, que subiu do 16º lugar para o 8º lugar.

Pessoas selam o sucesso ou o fracasso da transformação digital

Sem funcionários engajados, a estratégia tende a fracassar, pontua o vice-presidente do Gartner, Cassio Dreyfuss.

Reforma trabalhista: Não haverá contrato novo ou velho

“Se não, muitos empresários poderiam dispensar os trabalhadores da ‘lei velha’ e contratar outros com contrato novo, pela ‘lei nova’. Para não haver esse perigo, a lei aplica-se a todos os contratos em vigor no Brasil”, explica o Juiz do Trabalho, Marlos Melek.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site