INTERNET

Fórum da Internet quer apoio claro do governo ao Marco Civil e à neutralidade

Luís Osvaldo Grossmann ... 05/09/2013 ... Convergência Digital

O apoio ao Marco Civil da Internet e a garantia da neutralidade de rede da forma como redigida no projeto de lei foram pontos centrais do terceiro Fórum da Internet no Brasil, promovido pelo Comitê Gestor da Internet e realizado em Belém, no Pará, nesta semana.

Embora o encontro não tenha produzido uma declaração ‘oficial’, diferentes entidades da sociedade civil que lá estiveram promoveram mensagens específicas. Como a carta a ser enviada ao Senado Federal em resposta à audiência pública sobre o Marco Civil realizada na terça, 3/9.

“Na audiência pública realizada em 3/9, o representante das empresas afirmou que o Marco Civil atrapalha a inclusão digital e privilegia alguns usuários em detrimento de muitos. Argumentos nesse sentido representam total distorção da neutralidade de rede”, leu a representante do Idec, Veridiana Alimonti. 

Para as entidades, “garantir a neutralidade de rede não afeta em nada o modelo de negócios vigente, que permite oferecer pacotes por diferentes velocidades, mas que todos se conectem de forma isonômica e livre, ainda que em velocidades distintas”. Sem neutralidade, apontam, “o resultado seria uma ‘internet pedagiada’, com diferentes tipos de Internet baseados na renda dos usuários”.

A defesa da neutralidade foi, por sinal, a tônica da plenária final do encontro, nesta quinta, 5/9. Ali, vários discursos enfatizaram a posição pouco clara do governo e clamaram por apoio. “Um dos consensos é que o Ministério das Comunicações deve apoiar o Marco Civil com a defesa da neutralidade da forma mais abrangente possível”, destacou a advogada da Proteste, Flávia Lefèvre. 

Também dos debates da semana os participantes do 3o Fórum da Internet destacaram que “as exceções à neutralidade de rede podem ser usadas de maneira indireta para acabar com a própria neutralidade” e que a eventual regulamentação dessas exceções “deve ficar a cargo do CGI.br”. 


TSE vai enviar intimações pelo WhatsApp e Facebook nas eleições 2018

Pelas plataformas serão encaminhadas intimações, notificações, citações ou pedidos para a tomada de providências que atendam ordens da Justiça Eleitoral. O serviço funcionará até a diplomação dos candidatos eleitos em 2018, que ocorrerá até o dia 19 de dezembro.

Senado divulga a versão final do PL de Dados Pessoais

Texto foi encaminhado à sanção presidencial e tem 30 dias para ser sancionado. Se passar sem vetos, a legislação entra em vigor, um ano e meio de pois da sua publicação no Diário Oficial da União. Acesse a íntegra do documento.

Facebook recebe multa máxima, mas baixa, por violar dados dos cidadãos da Inglaterra

Mas montante aplicado - cerca de US$ 650 mil - não é relevante para os cofres da rede social que, hoje, tem valor estimado em 590 bilhões de dólares. Para o órgão regulador britânico faltou transparência ao Facebook.

MP do Distrito Federal investiga venda ilegal de dados pessoais

Google, Yahoo, Baidu e Bing foram notificados para removerem o site 'Tudo sobre Todos' dos seus resultados de busca para conter a prática ilegal de venda de informações. O Mercado Livre foi notificado para suspender a conta pela qual são vendidos os créditos de acesso ao serviço.

You Tube investe US$ 25 milhões em plataforma para combater as Fake News

Empresa do Google proporcionará links para a Wikipedia ou para a Enciclopédia Britânica em vídeos de temas controversos ou ligados a conspirações, como, por exemplo, a chegada do homem à Lua.

Revista Abranet 24 . maio-junho-julho 2018
Veja a Revista Abranet nº 23 A Convenção Abranet 2018 reuniu, na Bahia, cerca de cem empresas de internet. As discussões foram além do dia a dia e abordaram aspectos como planejamento, inovação e estratégia.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G