Convergência Digital - Home

Corretagem na nuvem é tendência para 2014

Convergência Digital
Da redação - 11/10/2013

Apesar de computação em nuvem não ser mais uma tendência, o Gartner destaca as áreas onde os serviços na nuvem vão aparecer em 2014. Saiba quais são elas:

Cloud híbrida e a área de TI como corretora de serviços: reunir clouds pessoais e serviços de nuvem privada externos será imperativo. As empresas devem desenvolver serviços de nuvem privada com um modelo híbrido em mente. E devem confirmar se a futura integração / interoperacionalidade é possível.

Os serviços de cloud híbrida podem ser compostos de várias maneiras, com arquiteturas mais estáticas ou dinâmicas. Gerir essa composição será muitas vezes o papel de um corretor de serviços de cloud interno, capaz de lidar com temas como o da agregação, integração e customização de serviços.

Arquitetura cloud/cliente: Na arquitetura cloud/cliente, o cliente é uma aplicação rica em execução em um dispositivo conectado à Internet. O servidor é um conjunto de serviços de aplicações alojadas em uma plataforma de cloud computing cada vez mais elástica e escalável.


Era da cloud pessoal: a era da nuvem pessoal vai marcar uma transferência de poder dos dispositivos para os serviços. Nesse novo mundo, as especificidades dos dispositivos são, cada vez menos, fatores de preocupação para a organização, embora os dispositivos ainda sejam necessários.


TI à escala da Internet: Grandes fornecedores de serviços em cloud computing – como Amazon, Google, Facebook, etc – vão reinventar a forma como os serviços de TI serão disponibilizados. Se as empresas querem manter o ritmo de evolução, precisam imitar as arquiteturas, processos e práticas desses fornecedores de cloud.

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email Addthis

Destaques
Destaques

Procuram-se cientistas de dados para os bancos brasileiros

"Não adianta ter o melhor BI. O melhor Big Data. Se não houver quem saiba ler as informações", afirma Gustavo Fosse, da Febraban.

Análise de dados evita R$ 374 milhões em fraudes no seguro-desemprego

Novo sistema de Tecnologia cruza dados com FGTS, Rais/Caged e Receita Federal e desde dezembro de 2016 bloqueou cerca de 21 mil pedidos. Ministério do Trabalho estima economia em R$ 1,2 bilhão este ano.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O uso inteligente do Big Data a favor da indústria

Por Marlos Bosso*

Os impactos da revolução 4.0 são inevitáveis. Identrificar o que está por vir é o desafio dos executivos.

Produzimos mais dados do que a capacidade de armazená-los

Por Thiago Franco*

Será que a demanda digital romperá com os limites físicos dos datacenters em curto prazo? Nos últimos anos, muitos especialistas têm tentado responder a esta pergunta.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site