SEGURANÇA

Privacidade: falha do Google Apps expõe quase 300 mil domínios

Da redação ... 16/03/2015 ... Convergência Digital

Nomes, endereços, informações de e-mail e números de telefones de 282.867 proprietários de domínios no Google Apps foram expostos devido a uma falha de segurança no Whois, protocolo voltado para consulta de informações sobre domínios, de acordo com a Cisco.

A equipe de pesquisa e segurança da empresa Talos publicou uma nota sobre o assunto indicando que o problema parece ter começado em meados de 2013 e, desde então, tem revelado detalhes de dados de pessoas que optaram pela proteção da privacidade no Whois.

Pesquisadores concluíram que os administradores de domínios foram afetados depois de terem renovado seus dados de registro privado no Whois. Dos cerca de 309.925 domínios registrados no eNom, parceiro do Google, cerca de 94% foram afetados.

A correção já foi solicitada, mas a equipe da Talos alerta que a falha possibilitou extrair informação que podem ser usadas para fins maliciosos, como disparo de spams, phishing e outras formas criminosas de uso de dados. O Google, por sua vez, enviou um e-mail para os usuários afetados explicando a falha.


Soluções de Segurança para a Sociedade
Não delegue a segurança cibernética apenas para a TI

Para mitigar os riscos com ataques hackers, toda a corporação precisa se unir, adverte Jun Goto, vice-presidente Sênior da NEC Corporation.

EUA proíbem eletrônicos em voos com origem em 8 países muçulmanos

Dispositivos maiores que smartphones devem ser despachados junto com as bagagens em voos com destino aos Estados Unidos. Segundo o Departamento de Segurança da Pátria, medida faz parte do combate ao terrorismo.

Mirai, malware de IoT, avança sobre o Windows

Segundo especialistas de segurança, após contaminar o máximo de aparelhos possíveis, o Mirai os usa para realizar ataques de DDoS (ataque distribuído de negação de serviço). No ano passado, o malware causou estrago nos Estados Unidos.

Brasil está no top 4 do ataque hacker a organizações de 31 países

Os atacantes usaram sites comprometidos ou "watering holes" para infectar alvos pré-selecionados com malware ainda desconhecido. No ranking, Polônia, Estados Unidos, México e Brasil estão à frente da atenção dos hackers.

Ex-assessor de Obama assume presidência da Cyber Threat Alliance

Michael Daniel, que comandou os rumos da política de segurança cibernética na Casa Branca durante o Governo Obama, será o primeiro presidente da entidade, em sua nova fase como organização sem fins lucrativos, e que reúne as grandes empresas de Tecnologia da Informação.



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G