GOVERNO » Política Industrial

Abinee: Brasil vai perder, de novo, o bonde da história em componentes

Ana Paula Lobo* ... 17/08/2015 ... Convergência Digital

Por meio de nota oficial, divulgada nesta segunda-feira, 17/08, a Associação Brasileira da Indústria Elétrica Eletrônica - Abinee - diz que a decisão do governo de vetar diversos dispositivos da Lei nº 13159, de agosto de 2015, que trata do regramento do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Semicondutores - PADIS, prejudicaráo desenvolvimento de novos produtos e novas tecnologias no Brasil, afastando o país dos processos mundiais de inovação, em andamento e que se aproximam, como os casos da Geração Fotovoltaica, Iluminação LED, Smart City e Internet da Coisas (IoT).

“Se esta decisão não for alterada a tempo, vamos perder mais uma vez o bonde da história”, diz o presidente da Abinee, Humberto Barbato. Segundo ele, a inteligência dos produtos e das novas tecnologias está diretamente ligada aos componentes, que, por esse motivo, deveria ser estimulada, como fazem muitos países, e não vetada.
Barbato destaca que, ao considerar apenas o atual aspecto econômico na análise do aperfeiçoamento do PADIS, o governo está ignorando todos os benefícios que estas tecnologias podem trazer para uma maior eficiência e racionalização de recursos, principalmente em termos de gestão pública.

Entre os vetos está a impossibilidade de apresentação de novos projetos por parte das nove empresas já habilitadas para o incentivo fiscal até 2022, bem como a adesão de novos entrantes no Programa. “Sabemos que há empresas que enviaram projetos ao governo e que serão devolvidos, sem aprovação, em função desta decisão”, salienta Barbato.

Por conta disso, a Abinee está propondo que o governo reavalie os dispositivos vetados por meio de mecanismos legais já existentes. Além da limitação do prazo, a entidade entende que é necessário rediscutir o escopo do programa, incluindo novos componentes e novas modalidades de negócios (como a operação “fabless”, que compreende todas as etapas do desenvolvimento do produto menos a fabricação), e também a prestação de serviços de semicondutores - modelo semelhante ao já amplamente utilizado pelo segmento de TIC.

“Ao propor esta rediscussão, nosso objetivo é estimular o desenvolvimento de novas indústrias de semicondutores, fortalecer as existentes e tornar o país competitivo em eletrônica em nível mundial, sem prejuízos aos investimentos já em andamento e àqueles que ainda poderão ser realizados no país”, concluiu o presidente da Abinee. Entenda mais sobre a situação do PADIS.

*Com informações da Abinee

 


Revista do 62º Painel Telebrasil 2018
Veja a revista do 62º Painel Telebrasil 2018 Brasil Digital: O futuro é agora - é o tema da revista do Painel Telebrasil 2018.
Edição, com 104 páginas, consolida os debates realizados no evento, que reuniu a indústria de Telecomunicações.
Clique aqui para ver outras edições

TSE: software usados na urna eletrônica são desenvolvidos no Tribunal

Presidente do STF, ministro Dias Toffoli, também rebateu a suposição de fraude. “Digo apenas que ele (Jair Bolsonaro) sempre foi eleito usando a urna eletrônica. Os sistemas são abertos a auditagem para todos os partidos políticos seis meses antes da eleição, para todos os candidatos e para a OAB”.

Órgãos públicos centralizam atendimento de ouvidorias em um único portal

Novo Decreto obriga a integração dos canais de atendimento de todos os órgãos da administração federal direta. Atualmente existem 386 unidades de ouvidorias federais. A governança ficará com a Controladoria Geral da União.

eSocial já tem 1 milhão de empresas, mas grandes estão atrasadas

Das mais de 12 mil empresas que devem substituir o recolhimento do FGTS até 27/8, menos de 8 mil estão prontas.

Plano de IoT aguarda apenas a assinatura do presidente Temer

"O decreto está pronto", diz Thiago Camargo, da Secretaria de Políticas Digitais do MCTIC. Sobre Transformação Digital, ele lembra que o governo deve atuar como facilitador.

eSocial: deixar para novembro pode ser um erro fatal das empresas do Simples Nacional

Em entrevista ao Convergência Digital, o coordenador do eSocial, José Maia, advertiu: "Não deixem para a última hora. Aproveitem a transição".



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G