INOVAÇÃO

BNDES aprova R$ 56,5 milhões para radar de defesa antiaérea

Da redação* ... 17/12/2015 ... Convergência Digital

A Diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou apoio financeiro ao Exército brasileiro para investimentos na última etapa de desenvolvimento do radar SABER M200 Multimissão - um radar de defesa antiaérea.

O apoio do BNDES ocorrerá por meio de financiamento, pela linha de inovação, no valor de R$ 3,74 milhões, destinado ao desenvolvimento do software multimodo do radar, e de recursos não reembolsáveis, por meio do Fundo Tecnológico (BNDES Funtec), no valor de R$ 52,8 milhões.

Os recursos do Funtec serão repassados à Fundação de Apoio à Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação – Exército Brasileiro (FAPEB), para que sejam aplicados sob coordenação do Centro Tecnológico do Exército (CTEx) no desenvolvimento do SABER M200, radar de defesa antiaérea de longo alcance, que também tem potencial para ser utilizado no controle de tráfego aéreo.

O SABER M200, um radar transportável, de média altura, será um produto de defesa de características inovadoras, desenvolvido no estado da arte da tecnologia mundial. Trata-se de um dispositivo capaz de operar em vigilância, busca e orientação de tiro, com capacidade de acompanhar múltiplos alvos aéreos simultâneos voando a distâncias de até 200 km, em altitudes de até 20 km.

O principal diferencial do SABER M200 será seu sistema de varredura 100% eletrônica, que permite atribuir a um único radar diferentes funções. Por suas características, poderá desempenhar tarefas de três ou quatro radares diferentes. O M200 será capaz de rastrear 200 alvos simultaneamente. Seu porte também permitirá que possa ser embarcado em um contêiner padrão de 20 pés e transportado em avião cargueiro.

O projeto tem entre seus méritos o desenvolvimento de tecnologia inédita no País, em parceria com a Bradar Indústria S.A., empresa do Grupo Embraer, do segmento de defesa e segurança, e o alinhamento com os objetivos da Estratégia Nacional de Defesa, com o domínio nacional de tecnologias utilizadas na vigilância do espaço aéreo brasileiro.

Os investimentos também elevam o desenvolvimento tecnológico nacional no setor de eletrônica, com aplicações para as Forças Armadas, bem como para o mercado civil, fortalecendo a base industrial brasileira de defesa.
Investimentos – O desenvolvimento do SABER M200 Multimissão contou, desde 2008, com investimentos de cerca de R$ 67 milhões nas etapas anteriores em recursos financeiros da FINEP, além de R$ 1,5 milhão de recursos financeiros do Exército Brasileiro.Nesta etapa, o projeto também deverá contar com recursos orçamentários de cerca de R$ 17 milhões provenientes do Ministério da Defesa.

Participam do desenvolvimento do projeto apoiado pelo BNDES o CTEx, que realiza pesquisas científicas, e a Bradar Indústria S.A, que desenvolve projetos e produtos de alta tecnologia em radares de defesa. A FAPEB, entidade credenciada junto ao Ministério da Ciência e Tecnologia, tem por finalidade fomentar, coordenar e executar programas de pesquisa científica e tecnológica para o Exército Brasileiro.

Fonte: BNDES


Cloud Computing
Seguradora 100% online da Caixa usa a nuvem para aprimorar atendimento ao cliente

A Youse contratou serviços da Salesforce e, hoje, têm mais de 450 funcionários logados à plataforma cloud, que é considerada de missão crítica por funcionar initerruptamente.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Opinião
Chegamos à Era dos Jetsons
Por Ricardo Caldas*
Opinião
Conheça o olho eletrônico de IA para deficientes visuais
Anderson Soares, Eduardo Prado e Outros [*]
Opinião
Inteligência Artificial para Todos
Por Mauricio Prado, gerente geral da Salesforce no Brasil

Polícia Federal quer usar inteligência artificial aplicada à investigação

Em junho, acontecerá um hackaton para viabilizar o uso real da tecnologia pelos policiais federais.

EMBRACO compra startup catarinense de tecnologia disruptiva de dados

Startup UpPoints, que desenvolveu um sistema de reconhecimento de imagem e análise de performance de vendas de produtos no ponto de venda. Valores não foram revelados. Mercado nacional é o alvo inicial, mas mercado internacional está nos planos.

Empresas brasileiras aderem à Liga IoT para acelerar startups

Iniciativa - conduzida pela aceleradora Liga Ventures e a Intel - irá acelerar empresas de software ou hardware e já está com as inscrições abertas para o seu primeiro ciclo.

Fintech lança serviço de transferência de dinheiro por chatbot no Facebook

Londrina TransferWise lança serviço quee permite o envio de dinheiro pelo Messenger. Modalidade não está disponível para os usuários do Brasil.

Brasileiros assistiram, em média, 6 horas e 17 minutos de TV em 2016

Estudo realizado em 15 regiões do país, mostra que as mulheres assistem mais TV do que os homens e que há uma retomada do público infantil e dos jovens.



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G