Convergência Digital - Home

Oito em cada 10 empresas vão investir em nuvem e data center definido por software

Convergência Digital
Convergência Digital* - 04/08/2016

O estudo Dell State of IT Trends 2016, divulgado nesta quinta-feira, 04/08, identificou que na atual economia, orientada por dados, as empresas buscam agilidade, eficiência, escalabilidade e capacidade para responder às aplicações de negócios em tempo real.

De acordo ainda com o levantamento, o aumento da produtividade do negócio é a principal demanda para 81% dos decisores de TI e para 77% dos decisores de negócios, seguida pela necessidade de impactar o crescimento dos negócios, com 71% e 69% das respostas, respectivamente. No geral, empresas de todos os tamanhos e em mercados desenvolvidos e em desenvolvimento seguem alinhadas de acordo com as seguintes tendências:

·62% dos decisores de TI e 51% dos decisores de negócios concordam que cloud computing é a tendência de tecnologia mais importante para suas empresas.

.A capacidade de expansão na utilização da núvem publica, de acordo com a necessidade é avaliada como importante para 83% dos decisores de TI e 74% dos de negócios

·Segundo 88% dos decisores de TI e 80% dos de negócios, suas organizações consideram adotar, estão em processo de adoção ou já concluíram a migração para data center definidos por software.

. Ambos os grupos concordam que os benefícios desse modelo estão na flexibilidade, simplicidade, eficiência e redução de custos. Os decisores de TI indicam com maior frequência que essa migração já está em andamento e indicam a escalabilidade como principal benefício (57% diante de 40% dos decisores de negócios)

·Dois em cada um entrevistado concordaram que devem usar tecnologias abertas de data center no futuro e 86% dos decisores de TI e 85% dos de negócios concordam que a estratégia centrada em computação é a melhor abordagem para ganhar flexibilidade, escalabilidade e para data centers abertos.

Em termos de despesas com tecnologia em 2016, a nuvem é a principal prioridade, 67% para os líderes de TI e 59% na visão de negócios. Na sequência de importância aparece atualização das tecnologias de armazenamento de dados e da área de compras (54% e 48%, respectivamente).

Os resultados do Dell State of IT Trends 2016 confirmam que as estratégias centradas no cliente, data center definidos por software e computação centrada estão entre as prioridades que os líderes de negócios e de TI buscam para atender seus objetivos de negócios:

·Oito em cada 10 entrevistados concordam que uma abordagem centrada em computação para desenvolvimento de soluções de data center é a chave para promover inovação.

·Acima de oito em cada 10 entrevistados concordam que integrar soluções hiperconvergentes é o primeiro passo para adoção de um data center definido por software.

·Os decisores também afirmaram que a adoção de um data center definido por software é o viabilizador mais importante para a transformação digital e que uma estratégia de cloud hibrida é vista como o melhor lugar para o datacenter definido por software no futuro.

·Quase a totalidade dos tomadores de decisão concordam que tecnologias abertas suportam melhor as tendências de data center voltado a aplicações, portabilidade e gestão de dados se comparado com soluções de hardware proprietárias.

·A capacidade de resolver problemas rapidamente é a principal preocupação global para todos os entrevistados quando se trata de gestão do data center.

O estudo, realizado pela Penn Shoen Berland, a pedido da Dell, identificou também que a visão de tendências de TI dos decisores de negócio e da área de tecnologia evoluíram e estão mais alinhadas do que eles imaginam. O que tende a contribuir para um melhor uso da TI como um fator essencial para o sucesso das organizações.

“Existe uma percepção equivocada de que os líderes empresariais estão desconectados das discussões estratégicas de TI, mas os tempos mudaram”, afirma João Bortone, Diretor de Produtos e Soluções Empresariais da Dell para América Latina. “Esse estudo revela que existe um crescente entendimento entre os decisores de TI e de negócio sobre as principais tendências de TI e as oportunidades crescentes que a TI pode endereçar”, conclui. O levantamento consultou 1.201 executivos de pequenas, médias e grandes empresas em diferentes países, incluindo no Brasil.

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email Addthis

Destaques
Destaques

Nuvem não é e não será gratuita

Os departamentos de TI precisam aceitar o fato de que só porque um aplicativo está na nuvem, não significa que ele esteja economizando dinheiro ou alcançando um retorno sobre o investimento maior.

Apenas 10% das empresas conseguem usar o big data para identificar fraudes

A maior dificuldade é identificar onde estão os dados para serem analisados. Atualmente o big data é usado para buscar pistas de anomalias financeiras, como duplicidade de pagamentos e revisão da folha de pagamento.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Criando uma arquitetura analítica para o futuro

Por Stephen Rigo*

O custo de não ter a arquitetura analítica adequada é alto, já que esse fator pode gerar problemas de incompatibilidade, governança, segurança, falta de acordos de nível de serviço, escalabilidade e problemas de extensibilidade.

O uso inteligente do Big Data a favor da indústria

Por Marlos Bosso*

Os impactos da revolução 4.0 são inevitáveis. Identrificar o que está por vir é o desafio dos executivos.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site