TELECOM

Para teles, peso dos tributos é esquizofrênico

Convergência Digital ... 12/09/2016 ... Convergência Digital

A política pública em telecomunicações é vítima da esquizofrenia com que o setor é tratado no Brasil. Assim enxerga a Telebrasil e a Federação Brasileira de Telecomunicações (Febratel), ao demonstrar que o Estado fica com uma fatia tão grande dos resultados que inviabiliza o próprio crescimento dos serviços. 

Como lembrou o secretário- executivo da Febratel, César Rômulo, ao participar do 30º Seminário Internacional da ABDTIC, realizado em São Paulo, nos dias 31 de agosto e 1º de setembro, desde a Constituição o setor foi alvo do arranjo tributário que colocou os serviços como base do ICMS. 

“Chegamos a ponto de esquizofrenia constitucional. A política pública a União diz que é preciso universalizar, massificar. E os estados injetam 40%, 50% de tributo na formação do nosso preço. Quem pode pagar? Isso não é política de massificação”, afirmou.

“Sem risco, o Estado fica com 58% de toda a riqueza gerada pelos prestadores de serviços de telecomunicações. Os rentistas ficam com 22%. Os acionistas, apenas 10,4%". Assistam a participação do executivo da Frebratel, César Rômulo.


Internet Móvel 3G 4G
5G vai responder por 4,8% do tráfego móvel em 2022

Estudo mostra que nos próximos cinco anos, a banda larga móvel cresceu 3,4 vezes mais rapidamente que a banda larga fixa. O 2G caminha pra a extinção e o 4G será a principal tecnologia no mercado.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Embratel usa Banda KA para expandir banda larga fixa e IoT

Diretor Executivo da Embratel Star One, Gustavo Silbert, explica que o serviço IPSAT terá um ponto concentrador dos dispositivos de IoT para levar comunicação às áreas remotas.

Teles vão ao STF contra lei que obriga atendimento em 15 minutos

Nova ação direta de inconstitucionalidade argumenta competência federal sobre telecom para questionar a lei aprovada em São Paulo que dispõe sobre o tempo de espera nas lojas das operadoras.

EUA vai banir Huawei e sugere cortar parcerias com quem não imitar

Em visita ao leste europeu, o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, diz que o uso de equipamentos de telecomunicações chineses “dificultam parcerias”.

Teles questionam no STF leis sobre cobrança e desbloqueio de celular

Em duas ADIs, empresas reclamam que leis do Rio de Janeiro invadiram a competência federal para tratar de telecomunicações.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G