INTERNET

O Marco Civil não pode legislar sobre Dados Pessoais

Ana Paula Lobo e Pedro Costa ... 26/09/2016 ... Convergência Digital

O Marco Civil não pode legislar sobre Dados Pessoais. A afirmação foi feita pelo diretor de relações governamentais, Francisco Giacomini Soares, durante painel na 16ª edição da Rio Wireless, realizada nos dias 13 e 14 de setembro, no Rio de Janeiro. Segundo ele, há pontos não transparentes ainda no Marco Civil, entre eles, a validade ou não dos serviços de zero rating ou dados patrocinados.

"Entendo que esses serviços são legais, mas isso não está transparente", sustentou. Com relação à Lei de Proteção de Dados Pessoais, é necessário pensar na Autoridade Regulatória, para dar uma segurança jurídica às empresas. Para Giacomini, o grande ponto para a lei de proteção de dados é a flexibilidade. Assistam.


Black Friday dá gás às vendas, mas fica longe do desempenho de 2016

Segundo levantamento da Ebit, vendas online cresceram 10,3%, contra alta de 17% em 2016. Nas lojas físicas, alta foi de 4,9%, conforme a Serasa, enquanto chegou a 11% no ano passado. 

Em Goiás, homem é condenado à prisão por compartilhar fotos no You Tube e no WhatsApp

Pena, no entanto, foi revertida para a prestaçaõ de serviços à comunidade. Homem divulgou fotos da ex-namorada em listas nas redes sociais por vingança.

'Vingança pornográfica" vai dar cadeia de dois a quatro anos

Avançou na CCJ do Senado o PL 18/2017, que adota punição mais rigorosa para o registro ou divulgação, não autorizada, de cenas de intimidade sexual de uma pessoal. PL seguiu em regime de urgência para o Plenário do Senado.

Consumidores ignoram termos de privacidade de dados no Brasil

E o consentimento tem sido a base legal para o processamento das informações, observou o sócio sênior da Accenture, José Moscati.

FCC apresenta proposta que acaba com neutralidade de rede nos EUA

O presidente da agência reguladora americana, Ajit Pai, disse que “sob a minha proposta, o governo federal vai parar de microgerenciar a internet”. 

Revista Abranet 22 . set/nov 2017
Veja a Revista Abranet nº 22 Reforma trabalhista: impactos para os ISPs. Conheça o novo cenário e saiba o que muda para as empresas de Internet. E mais: Os robôs chegaram pra valer; A incerteza dos 450 MHz; TIC Educação: o papel dos provedores.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G