GOVERNO

Brasil precisa de agenda digital sólida para crescer em tecnologia

Roberta Prescott ... 11/10/2016 ... Convergência Digital

Ter uma agenda digital sólida, desenhada de forma participativa, que tenha iniciativas claramente definidas e conte com os recursos financeiros é um pilar fundamental para o País que quiser desenvolver o setor de tecnologia da informação e comunicação, segundo explicou Miguel A. Porrúa, especialista-líder em e-government do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em entrevista em vídeo ao CDTV, durante o congresso mundial WCIT 2016, realizado na semana passada em Brasília (confira cobertura completa). 

Porrúa também destacou a necessidade de se fomentar a cultura do empreendimento, transmitindo às pessoas jovens que criar negócios é positivo, e criar um ecossistema que gera a demanda, como, por exemplo, assegurando que o custo de conexão à internet tenha a preços acessíveis à população.

O especialista reforçou, assim como disse Soumitra Dutta, reitor da Escola de Pós-Graduação Samuel Curtis Johnson na Universidade de Cornell (EUA), que o Brasil tem de possuir uma marca ligada à tecnologia e ser visto como potência no setor. Como exemplo, Porrúa  citou os exemplos do Uruguai, Colômbia e Israel. “Tem de conectar a agenda TIC com a agenda do País, com as prioridades do governo”, salientou. Assistam.


Cobertura Especial do 2º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2017

Telebras desbanca teles e assume rede da Dataprev por R$ 292 milhões

Estatal assume rede que interliga 1,7 mil agências do INSS e data centers no lugar da Embratel, Telefônica, Oi e British Telecom.



Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do evento

Call centers alegam que aumento no PIS/Cofins cortaria 5% do faturamento

Segmento adere a grita do setor de serviços contra os estudos anunciados pelo Ministério da Fazenda de correção do tributo para compensar perdas de receitas.

Serpro/ITI iniciam atualização dos certificados SSL dos sites do Governo

Instituto Nacional de Tecnologia da Informação informa que serão emitidos certificados digitais na cadeia v2 pela ACSerpro para encerrar as menasgens 'esta conexão não é confiável' nos sites do governo federal. Entidade, no entanto, não divulgou um cronograma de atualização.

MCTIC precisa de R$ 2 bi para fechar ano e fala em 'pressão saudável' por recursos

"Temos que trabalhar, lutar e pressionar, porque não é um recurso que surge do nada. É um recurso muito disputado", advertiu o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab.

Abinee:"Com a nova TLP, o futuro da indústria é bastante nebuloso no Brasil"

Associação da Indústria Elétrica Eletrônica sustenta que a nova Taxa de Longo Prazo (TLP), no lugar da Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), aprovada na MP 777, vai afetar 69% das empresas do setor que utilizam financiamentos do BNDES como fornecedoras de máquinas, equipamentos, sistemas e componentes.


Acompanhe a Cobertura Especial do WCIT 2016

Fim da gestão do Governo dos EUA abre nova era para a Internet

Desde 1º de outubro, as funções técnicas da internet – nomes, números e protocolos – não envolvem mais um contrato da ICANN com o governo americano. “O Brasil influenciou nessa transição”, diz o secretário-executivo do CGI.br, Hartmut Glaser. 


Acompanhe a Cobertura Especial do WCIT 2016

  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G