Convergência Digital - Home

Contact center: Nuvem e Inteligência Artificial são prioridades na América Latina

Convergência Digital
Da redação - 19/01/2017

A crise econômica fez com que os provedores de contact center priorizassem os investimentos e o meio escolhido para avançar - e alcançar a eficiência operacional - foi a computação em nuvem. De acordo com o Latin American Contact Center Systems Market, Forecast to 2021, da consultoria Frost&Sullivan, a migração das infraestruturas para o ambiente de computação em nuvem terá intensa até 2021, com o mercado de nuvem concentrando mais de 30% das operações.

"Os fornecedores de sistemas on-premises se empenharão para introduzir opções baseadas em nuvem e/ou híbridas para manter o ritmo em um mercado cada vez mais competitivo", disse Maiara Munhoz, analista sênior da indústria de Customer Contact da Frost & Sullivan. "Por exemplo, a compra pela Genesys do portfólio de nuvem e componentes de comunicações empresariais da Interactive Intelligence destaca a expansão de portfólio e proporciona à mesma uma vantagem competitiva sobre a Avaya", completou o executiva.

O relatório da consultoria apura que omercado de contact center on-premises da América Latina atingiu US$ 240,0 milhões em receitas em 2015 e deverá atingir US$ 275,5 milhões em 2021. Em 2015, o Brasil representou quase 50% deste mercado. Porém, Chile, Peru e Colômbia terão as maiores taxas de crescimento durante o período de forecast.

A pesquisa mostra também que as empresas de telecomunicações latino-americanas estão buscando aumentar a eficiência e reduzir custos. Um contexto que leva ao uso da tecnologia de inteligência artificial (IA) e de processamento de linguagem natural (PLN), ferramentas que terão crescente adoção através de uma variedade de aplicações como reconhecimento de fala, análise de fala, biometria e automação robótica de processos.


SAS Institute oferece 50% de desconto em julho em cursos voltados a análise de dados

Quer aprender a tirar o melhor proveito do seu dado? Aprenda como tirar insights para o seu negócio. Entre os cursos com desconto estão 'descomplicando os dados através de relatórios' e 'entendendo e tirando valor dos dados usando códigos SAS'

Destaques
Destaques

Metade das empresas no Brasil não confia na própria análise dos dados

Levantamento da Serasa Experian mostra ainda que 42% das companhias brasileiras admitem perder dinheiro com a má qualidade das informações. Má governança é vista como um desafio a ser superado. O mais grave: mais de 70% destão sem estratégia para superar essa etapa.

Dataprev vai comprar Inteligência Artificial e exige uso da nuvem pública

Estatal de TI não revela o montante a ser pago, mas diz que contrato será de 24 meses e inclui capacitação técnica dos funcionários, no modelo de serviços por demanda. Propostas devem ser enviadas até o dia 20 de julho.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Transformação digital exige eficiência no gerenciamento

Por Luiz Fernando Souza*

Prevenir é sempre melhor do que remediar. Essa é uma máxima que precisa ser aplicada à transformação digital, e vale quando falamos da gestão dos servidores. E as razões são simples: é menos sofrido, menos dolorido e mais barato manter uma rotina de trabalho focada na manutenção, preservando com inteligência dados e sistemas.

Jornada para a nuvem: evite as armadilhas e faça a coisa certa

Por Fábio Kuhl*

Até bem pouco tempo, a nuvem era inovação, hoje me arrisco a dizer que, em breve, uma commodity.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site