TELECOM

Acesso às TICs é o melhor desempenho no índice de competitividade do Brasil

Convergência Digital* ... 31/01/2017 ... Convergência Digital

No relatório Competitividade Brasil 2016, elaborado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o Brasil é comparado com outros 18 países e mantém-se na penúltima posição do ranking geral de competitividade.

Desde 2012, quando o ranking começou a ser divulgado, o Brasil ocupa a mesma posição. O levantamento avalia nove fatores "que afetam diretamente a eficiência das empresas e a eficácia de seu manejo". Um deles é Infraestrutura e Logística. Nesta categoria, o acesso e o uso das tecnologias de informação e comunicação são os fatores de melhor desempenho do Brasil.

Com avaliações numa escala de 1 a 7, o acesso às TICs tem índice de 6,42, o melhor do país entre os fatores, segundo a CNI. Já o uso das TICs tem índice de 5,6. Para efeitos de comparação, a qualidade das rodovias brasileiras tem índice de 3,0 e a ferroviária, 1,9.

Entre os três subfatores de infraestrutura avaliados no ranking da CNI – telecomunicações, transporte e energia –, a de telecomunicações tem, de longe, a melhor avaliação: 5,9, o que coloca o Brasil na 8ª posição entre os 18 países. As infraestruturas de transporte e energia do país têm índice de 2,7. Em ambas, o país ocupa a última colocação do ranking de infraestrutura.

O resultado em TICs é resultado, sustenta a Associação Brasileira de Telecomunicações - Telebrasil, dos altos investimentos do setor no Brasil.Desde a privatização do Sistema Telebras, em 1998, foram investidos R$ 500 bilhões, o que fez com que o Brasil tenha hoje a quinta maior rede de telecomunicações do mundo. A carga tributária sobre serviços de telecomunicações – a mais alta do mundo dentre os países avaliados pela CNI – é o fator que mais inibe investimentos, em especial aqueles voltados ao atendimento dos consumidores de menor poder aquisitivo.

Para a Telebrasil, se o país quiser avançar ainda mais em sua infraestrutura de telecomunicações e no acesso e no uso das TICs, são necessárias políticas públicas voltadas à massificação de serviços essenciais básicos prestados pelo governo e demandados pela população, utilizando-se soluções completas com TICs. O setor já apresentou o projeto "Brasil Digital Inovador e Competititivo", em que coloca o uso das tecnologias de informação e comunicação como fundamental para a inclusão do Brasil entre as maiores economias mundiais.
 


AGU confirma multa de R$ 414 mil aplicada à SKY por cobrança indevida

A penalidade foi imposta pela Anatel após a empresa trocar o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) gratuito por um tarifado, em desobediência à regulamentação do setor..

Anatel impede efeitos no Brasil da compra da Time Warner pela AT&T

Embora tenha mantido a decisão de esperar pela análise do CADE, agência baixou uma medida cautelar para evitar impactos no mercado de TV paga no país, por conta das vedações existentes na Lei do Seac (12.485/11).

Kassab não desistiu de aprovar a nova Lei de Telecom ainda em 2017

Ministro disse que vai se reunir com o presidente do Senado, Eunício Oliveira, “nos próximos dias ou semanas” para pedir que o PLC 79/16 seja colocado em votação. 

Oi vai vender mais pela Internet e quer investir R$ 7 bi/ano

Marco Schroeder diz que a expectativa é aumentar o aporte, com a capitalização, em R$ 2 bi nos próximos três anos. FTTH, 4G e serviços digitais são a prioridade. "Operação da Oi está preservada e houve ganho de eficiência operacional", sustentou.

Record, SBT e RedeTV! fecham com Vivo para transmissão na TV paga

Transmissões foram suspensas desde 29/3, quando houve o desligamento dos sinais analógicos em São Paulo. Empresas não informaram os valores do acordo. Ainda não há acordo com Net e Sky, que somadas representam 81% dos assinantes da TV paga.

Justiça impede Anatel de remover retransmissor de TV instalado por município

Para a Justiça Federal de Brasília, apesar da previsão legal, não é razoável privar a população do acesso a televisão diante da notória omissão do poder público. 


Veja a revista do 60º Painel Telebrasil 2016
Revista do 60º Painel Telebrasil 2016
O Brasil enfrenta uma de suas mais graves crises, e as telecomunicações em banda larga são essenciais para a retomada do desenvolvimento sustentável, com inclusão social, na moderna sociedade da informação e do conhecimento. Este foi o mote dos debates durante o 60º Painel Telebrasil, realizado nos dias 22 e 23 de novembro, em Brasília.

  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G