Convergência Digital - Home

Governo dos EUA insiste e pressiona Google a abrir dados de clientes

Convergência Digital
Convergência Digital* - 06/02/2017

Depois de ter sido derrotado num Tribunal de Apelações e não conseguir reverter uma decisão favorável à Microsoft,  a Google foi obrigada a permitir que o FBI vasculhe os e-mails do serviço oferecido pela empresa, mesmo quando eles estiverem armazenados em servidores fora dos Estados Unidos. 

Na decisão de sexta-feira, 03/02, um juiz federal da Filadélfia sustentou que “apesar da entrega de dados eletrônicos pelo Google de seus múltiplos datacenters no exterior ter potencial para invasão de privacidade, a efetiva violação da privacidade se dará no momento da divulgação nos Estados Unidos”. 

É uma maneira de ler a lei federal de 1968 sobre o armazenamento de dados, que em julho do ano passado foi entendida de maneira completamente oposta. Naquela ocasião, em que o FBI queria acessar dados armazenados pela Microsoft na Irlanda, a Corte de Apelação de Nova York sustentou que os legisladores “não tinha a intenção de que as provisões do Store Communications Act fossem aplicadas extraterritorialmente. 

Em comunicado, a Google avisou que vai recorrer da decisão. “O magistrado neste caso se desviou do precedente e pretendemos apelar. Vamos continuar a lutar contra mandados muito ampliados.

* Com informações da Reuters

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email Addthis


Bradesco, Dataprev e Equinix são destaque em datacenter no Brasil
Organizações foram as vitoriosas da edição 2017 do DCD Awards da América Latina. Conheça os destaques da região no segmento de datacenters.

Destaques
Destaques

Big data: Brasil deve elevar investimento em 25% este ano

Estimativa do Gartner foi apresentada por Bruno Russo, integrante da unidade de negócios da Localweb Corp, durante webinar promovido pela Assespro-SP. “O movimento que as empresas estão fazendo hoje é investir em cada vez menos em infraestrutura e cada vez mais em dados", destacou.

Empresário brasileiro é mais confiante em seus recursos de análises de dados

Segundo a consultoria KPMG, apenas 15% dos empresários brasileiros não confiam nos recursos de análises de dados utilizados, se comparados com os Estados Unidos e o Reino Unido, que apresentam baixa probabilidade de confiar nos recursos (42% e 43%, respectivamente).



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Mão de obra é o "Calcanhar de Aquiles" da Inteligência Artificial

Por Eduardo Prado*

Em artigo exclusivo para o Convergência Digital, o consultor Eduardo Prado, mostra como os gigantes da tecnologia travam uma dura batalha para conseguir fidelizar os especialistas existentes. Ele também adverte: há uma busca desenfreada pela competência em IA.

A IA traz emoção e empatia às "máquinas"

Por Eduardo Prado*

Imagine se as tecnologias – assistentes virtuais (tipo Alexa da Amazon), veículos autônomos, aparelhos de televisão, frigoríficos conectados, telefones celulares – estivessem cientes das suas emoções? E se elas percebessem o seu comportamento não-verbal em tempo real?


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site