SEGURANÇA

Sem obrigação legal, empresas brasileiras 'escondem' invasões e ataques cibernéticos

Convergência Digital* ... 09/03/2017 ... Convergência Digital

O Relatório Global de Fraude & Risco, publicado anualmente pela Kroll, consultoria especializada em gestão de riscos e investigações corporativas, constata que  aproximadamente uma a cada quatro empresas (23%) sofreu nos últimos 12 meses pelo menos uma violação de sistema resultando em perda de dados de clientes ou funcionários. O problema é o segundo maior fator de vulnerabilidade – atrás apenas da infestação por vírus/worms – e o quarto mais recorrente no mundo empresarial.

O estudo entrevistou cerca de 550 executivos dos mais diferentes setores em todo o mundo que são responsáveis ou que influenciam diretamente as decisões quanto a programas e estratégias de segurança e combate a fraudes. A segurança cibernética, aliás, é a mais ameaçada. Ataques, roubos ou perda de informações sigilosas foram reportados por 85% dos respondentes, a maior taxa de incidência no mesmo período. Chama também a atenção o fato de que a maioria desses eventos se dá por vulnerabilidade de software, meio citado por 26% dos participantes.

“As ameaças atingiram um alto grau de sofisticação e seguirão evoluindo. Às empresas, cabe buscar estar sempre um passo à frente ou pelo menos ao lado na gestão de seus riscos”, afirma Fernando Carbone, diretor sênior da Kroll no Brasil e especialista em segurança da informação.Na prática, porém, não é isso o que tem ocorrido. Apesar da ostensiva pressão de criminosos, o contingente de negócios desprotegidos é ainda significativo.  De acordo com o relatório, 30% das organizações não tinham um plano de resposta a incidentes cibernéticos atualizado nos últimos 12 meses antes da consulta.

Isso mesmo considerando o impacto potencial que um evento cibernético pode causar aos cofres e à reputação empresarial. Devido ao prejuízo econômico gerado pelos ataques cibernéticos, a imprensa noticiou que o Yahoo! vendeu seus ativos à operadora de telecomunicações Verizon por US$ 350 milhões a menos do que a pedida original. Pelo acordo, a companhia de mídia ainda mantém corresponsabilidade legal e regulatória por possíveis ações judiciais decorrentes da violação.  

Para Carbone, o quadro no país é ainda mais crítico porque diferentemente de nações como Estados Unidos e Inglaterra, as empresas brasileiras não têm a obrigatoriedade legal de reportar a autoridades invasões e ataques a bancos de dados e matrizes tecnológicas. “Acaba sendo um atenuante que afrouxa o rigor com a detecção de incidentes e, em última instância, tem reflexos na percepção da ameaça. ”

Por aqui, a incidência de problemas cibernéticos foi de 76%, ou nove pontos percentuais menor que a média global. Já a violação de sistemas resultando em perda de dados de clientes ou funcionários é apenas o penúltimo fator de vulnerabilidade, citada por 38% dos gestores locais, contra 52% no resto do mundo. “No atual cenário, a postura preventiva e conscienciosa é a mais vantajosa. Do contrário, perdem todos na cadeia de negócios”,completa Carbone.

* Com informações da Kroll


Ministério Público lança cartilha sobre golpes no WhatsApp

Documento reúne orientações como evitar o compartilhameento de códigos enviados por SMS ou habilitação do sistema de verificação em duas etapas. 

Zoom é isca em 99% dos ataques com ferramentas de ensino online

Segundo levantamento das empresas de segurança Kaspersky, em todo o mundo invasões desse tipo cresceram 20.000%. Brasil é o quinto país mais atacado. 

Ataques de phising crescem 600% na AL. Netflix é o alvo dos hackers

Campanha em nome da OTT se distribui por meio de um e-mail com o assunto "Alerta de notificação". A mensagem informa sobre uma suposta dívida acumulada em nome da vítima que pode levar à suspensão do serviço caso não sejam tomadas medidas rápidas.

Brasil sofreu mais de 2,6 bilhões de ataques cibernéticos no 1º semestre

Configuração incorreta de servidores é o principal responsável pela maior parte das tentativas de invasão, reporta estudo da Fortinet. Cai o número de tentativas de golpes usando a Covid-19.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G