Home - Convergência Digital
Veja mais
Veja mais

Comparex anuncia troca de direção nas operações do Brasil

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 25/05/2017

A Comparex, provedora global de serviços de TI especializada em gestão de softwares, gerenciamento de soluções de licenciamento e consultoria especializada em projetos em nuvem, anuncia Otavio Argenton como novo gerente geral no Brasil. Argenton possui mais de 18 anos de experiência em tecnologia, em áreas como vendas, consultoria, PMO, outsourcing, suporte e serviços. Há 15 anos o executivo iniciou sua trajetória na 2S, empresa que deu origem à COMPAREX Brasil, como consultor Microsoft. Desde então, ele ocupou diversas posições de liderança, tendo comandado com sucesso as equipes de serviços e de vendas da COMPAREX Brasil.

"Estou muito satisfeito com a nova posição nesta empresa, que tem conquistado grandes resultados. Meu foco estará em criar estratégias para aumentar nossa base de clientes e manter o alto nível de satisfação dos que já temos. Buscamos continuar com o ritmo de crescimento atual, alinhados com a visão global de futuro da Comparex, que engloba serviços e nuvem. Queremos ser cada vez mais relevantes para nossos clientes, estando ao lado deles no mundo digital", diz Argenton.

O novo gerente geral para o Brasil assume a função que era de Christiano Knott, que parte para Munique, na Alemanha, para se juntar à equipe de parceiros de vendas globais. Knott será responsável pelo desenvolvimento de uma estratégia global de nuvem para o grupo COMPAREX. Junto com o time de parceiros de vendas globais, o executivo também vai trabalhar na adaptação da nova estratégia em diferentes mercados, de acordo com suas demandas específicas. No Brasil, a Comparex atua desde 2014, com sede em São Paulo e opera com soluções de gerenciamento de software, serviços e processos de compra e gestão de ativos.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O futuro do trabalho colocado à prova

Por Luiz Camargo*

Novas profissões exigem também novas habilidades para acompanhar a revolução digital. Os novos empregos certamente irão demandar habilidades analíticas, matemáticas e digitais, com um toque de neurociência.

Destaques
Destaques

TI precisa de 420 mil novos profissionais até 2024

Formação de mão de obra, que já sofre para atender a demanda, vai ficar longe dos 70 mil novos empregos por ano. IoT, Big Data e segurança são áreas de maior demanda.

Salários em TICs são três vezes maiores que a média nacional

Em software e serviços, onde estão 75% das vagas das empresas de tecnologia da informação, remuneração média em 2018 foi de R$ 5 mil, contra R$ 1,8 mil do salário médio nacional.

TICs podem formar 1 milhão a cada quatro anos com recursos já existentes

Segundo o presidente da Contic, Edgar Serrano, atualização do marco legal de telecom e a criação do Sistema S das TICs são medidas de transformação digital sem impacto fiscal.

TRT define reajuste de 3,43% no dissídio coletivo dos trabalhadores de TI de São Paulo

O reajuste vale para todas as cláusulas econômicas, entre elas, o auxílio-refeição, que passaria para R$ 18,62. MP tem oito dias para dar o seu parecer.

STF anula decisão do TST e reforça valor legal da terceirização

Decisão aconteceu em uma ação de uma atendente contratada pela Contax, prestadora de serviços de call center, para atuar como terceirizada na Telemar Norte Leste.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site