INCLUSÃO DIGITAL

Em São Paulo, 99,6% dos domicílios já assistem TV Digital

Luís Osvaldo Grossmann ... 21/06/2017 ... Convergência Digital

Os brasileiros se ajustam rapidamente ao fim das transmissões analógicas de televisão, segundo indica a nova pesquisa do Ibope em São Paulo. Três meses depois do ‘apagão’, 99,6% dos 7,2 milhões de domicílios assistem somente pelos sinais digitais na maior região metropolitana do país – carro-chefe da TV comercial no Brasil. 

“É um numero fantástico e o que a gente imagina que vai acontecer em todas as praças. Já tinha acontecido em Brasília e vai se repetir. Mesmo quem não tem direito ao kit [de conversor e antena], na hora que desliga [os sinais analógicos] isso vira prioridade”, afirma o presidente da Seja Digital (ex-EAD), Antonio Marteletto. 

Em Goiânia e região, com desligamento confirmado para a meia-noite desta quarta, 21/6, outra pesquisa do Ibope indicou que 92% dos domicílios já estão preparados para o ‘apagão’ analógico. Lá, a data prevista era 30/5, mas a pesquisa de então apontava apenas 88% dos lares prontos (a meta é 93%, ou 90%, por conta da margem de erro). 

O próximo alvo é Recife, em 26/7. Na última contagem, feita há um mês, o número de domicílios que já conseguem de alguma forma receber os sinais digitais estava em 79%. Marteletto admite que nesse levantamento 60 dias antes do desligamento, o ideal é que mais de 80% já estivessem preparados. “Temos que também levar em conta que agora vamos para o Nordeste, onde a proporção de domicílios de baixa renda é maior, mas onde também é maior a presença dos programas sociais”, avalia. 

Quer dizer que uma fatia maior do sucesso do desligamento analógico por lá depende da distribuição gratuita dos kits de antena e conversor para famílias inscritas em programas sociais. Em Recife e nos 14 municípios da região metropolitana a serem ‘desligados’ em 26/7, o número de lares é semelhante aos 1,2 milhão de Brasília e entorno. “Mas enquanto em Brasília distribuímos 400 mil kits, lá são 600 mil”, completa o presidente da Seja Digital. Até aqui já foram entregues cerca de 250 mil deles e a meta é virar o mês acima de 400 mil.


Carreira
Reforma trabalhista: Não haverá contrato novo ou velho

“Se não, muitos empresários poderiam dispensar os trabalhadores da ‘lei velha’ e contratar outros com contrato novo, pela ‘lei nova’. Para não haver esse perigo, a lei aplica-se a todos os contratos em vigor no Brasil”, explica o Juiz do Trabalho, Marlos Melek.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

TV digital: Quatro milhões de kits distribuídos no país

Próxima etapa será na cidade do Rio de Janeiro e em 18 municípios do entorno. Expectativa é ampliar a distribuição em mais 1,2 milhão de kits, revela a Seja Digital, entidade responsável pela entrega dos equipamentos.

Palotina, no PR, investe em TIC para se transformar em cidade inteligente

Com pouco mais de 35 mil habitantes, a localidade está em processo de informatização da gestão pública e busca alternativa de investimentos para expandir a oferta de banda larga.

Telebras promete banda larga 10 vezes mais barata com novo satélite

Depois de roadshowm em São Paulo, estatal fará apresentações em Londres e Nova York para atrair competidores ao leilão da banda Ka que pretende realizar em 28 de agosto. 

Falta disposição política para criar cidades inteligentes no Brasil

Muitas prefeituras estão comprando tecnologia e criando uma 'torre de babel' dos seus sistemas, adverte José Marinho, diretor da Rede Cidade Digital. "Esses dados não vão gerar informações, não vão melhorar a gestão pública. Eles são um gasto", acrescenta.

Oi: Quase 60% dos domicílios da nossa região não têm banda larga

Ao falar sobre a nova lei geral de Telecom e bens reversíveis, o presidente da Oi, Marco Schroeder, diz que se 'os bens reversíveis valem R$ 100 bi, e não valem, eu vou vender a minha parte".

450MHz: Relator propõe dois anos para que teles troquem satélite por rede na área rural

Conselheiro da Anatel, Otávio Rodrigues, entende que as dificuldades não impediam o uso da faixa de 450 MHz e que o uso de soluções por satélite constituem descumprimento ao edital do primeiro leilão 4G, de 2012.



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G