GESTÃO

Serpro e Receita unificam dados e criam serviço que reduz atendimento de 90 dias para 72 horas

Convergência Digital* ... 14/07/2017 ... Convergência Digital

Desde o último dia 13 de julho, os taxistas já têm acesso a mais um serviço integrado de dados do governo. Trata-se do Sisen – Sistema de Concessão Eletrônica de Isenção de IPI/IOF – unificou bases de dados de órgãos públicos diversos e reduziu o tempo de atendimento de noventa dias para 72 horas.

A solução desenvolvida pelo Serpro pode ser acessada via mobile e deve receber 50 mil pedidos anuais, que antes eram realizados somente nos postos de atendimento da Receita Federal. O próximo módulo do  Sisen, previsto para ser implantado em dezembro de 2017, atenderá aos requerimentos de isenção de IPI e IOF de pessoas com deficiência.

Entre sistemas e bases acessados estão o Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), o Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam), além das fontes internas da Receita Federal, como a base de Certidão de Débitos Relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União (CND) e o Cadastro de Pessoa Física (CPF).

O Sisen é uma das entregas previstas por um acordo de cooperação entre União, Ministério da Fazenda e Sebrae em que o Serpro viabiliza a parte de infraestrutura tecnológica. Outra entrega ocorrida em 2017 foram funcionalidades que permitiram facilitar pagamento de tributos por microempreendedores.


Justiça diz que smartphone e notebook não podem ser retidos pela Receita na volta de viagem ao exterior

O entendimento é da 7ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região ao declarar nula uma apreensão e determinar que o fisco libere o equipamento para a sua proprietária.

Rio de Janeiro proíbe ligação de telemarketing fora do horário comercial

Nova lei também proíbe ligações feitas de números privativos e exige que os operadoras de telemarketing identifiquem a empresa logo no início da chamada. Medida entra em vigor daqui a 120 dias.

Serpro adota seguro para cobrir má gestão

Desde o dia 8/12, o Serpro passou a adotar o "Seguro de Responsabilidade Civil", para eventual indenização que dirigentes da estatal sejam obrigados a pagar, em virtude de erros administrativos e má gestão. O valor de cobertura do seguro será de R$ 30 milhões (1% do patrimônio da empresa). Funcionário abaixo do cargo de superintendente não goza do benefício.

Governo tem versão 2018 do ePING

Padrões de interoperabilidade são obrigatórios para todos os órgãos federais integrantes do Sistema de Administração de Recursos de Tecnologia da Informação.

Nas PMEs, 93% não estão prontas para implantar o eSocial

Pesquisa mostra que a maioria das médias e pequenas empresas ainda não assimilou as consequências de não se adaptarem ao novo regime fiscal, em vigor a partir de janeiro de 2018. Empresas consideram caro o custo de implementação do regime.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G