NEGÓCIOS

Startups vão deixar de olhar para o umbigo do Brasil e vão buscar o mundo

Ana Paula Lobo e Pedro Costa ... 01/08/2017 ... Convergência Digital

O mercado nacional é grande e repleto de oportunidades, mas é um equívoco o empresário brasileiro de TI não pensar globalmente. "As startups são o caminho para o Brasil pensar globalmente. Eles têm jovens que não querem mais barreiras. O Brasil é grande, mas o mundo é muito maior", preconiza o presidente da Assespro Nacional, Jeovani Salomão.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, durante o Paraná TIC, realizado de 26 a 28 de julho em Foz do Iguaçu, organizado pela Assespro Paraná, o presidente da Assespro Nacional disse que é a pressão do cidadão que faz a gestão pública se mobilizar para ampliar a oferta de serviços digitais. "O governo funciona à medida que o cidadão cobra e pressiona; só assim ele começa a agir. Se uma entidade privada oferece serviço pela Internet, o governo também tem de oferecer", afirmou Salomão.

Com relação à MP 774, o presidente da Assespro Nacional considera que ela precisa ser votada até 10 de agosto para assegurar a volta à desoneração da folha. "Se ela não for votada, voltamos ao status anterior, mas certamente o governo vai voltar com a Medida Provisória em 2018. O momento é de ficar atento. O nome desoneração é muito ruim. Nós ganhamos no INSS, mas pagamos mais FGTS e impostos. E ao falar em desoneração parece que o setor de TI não quer pagar imposto e não é isso. Nós empregamos muito", acrescentou Jeovani Salomão.

Ainda de acordo com o executivo, o maior ganho do momento turbulento com relação à competitividade do setor foi a mobilização dos empresários, que foram lutar pelo seu direito junto aos parlamentares e ao governo. "Eles tiveram papel central. Eles agiram como o cidadão que cobra o seu direito". Na percepção do presidente da Assespro Nacional, "o mercado cansou de esperar pelo fim da crise e está se movimentando". Assistam à entrevista com o presidente da Assespro Nacional, Jeovani Salomão.


Cobertura Especial do 2º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2017

Telebras desbanca teles e assume rede da Dataprev por R$ 292 milhões

Estatal assume rede que interliga 1,7 mil agências do INSS e data centers no lugar da Embratel, Telefônica, Oi e British Telecom.



Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do evento

Déficit de eletrônicos cresce 20% e chega a US$ 17,4 bilhões até setembro

Apenas a China, com US$ 8,4 bilhões, representa praticamente a metade de todo o déficit. Demais asiáticos somam outros US$ 6,2 bilhões.

Porto Alegre se frustra com arrecadação de imposto sobre streaming

Capital gaúcha foi a primeira do país a instituir a alíquota de 2% do ISS (Imposto sobre Serviço) em março deste ano. Mas Fazenda municipal admite: dinheiro que entrou nos cofres públicos foi abaixo do esperado.

CVM adverte para o risco de fraudes e pirâmides com as moedas virtuais

Em nota oficial ao mercado órgão regulador do mercado financeiro diz que, até presente data, não foi registrasda nem dispensada nenhuma oferta das chamadas Initial Coin Offerings (ICOs), mas sustenta que há riscos nas operações.

Gastos globais com TI vão crescer 4,3%, para US$ 3,7 trilhões em 2018

Serviços de comunicação e software corporativo puxam as despesas mundiais do setor. A boa nova é o incremento na venda de dispositivos moveis e de PCs, em função da renovação do parque corporativo.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G