Home - Convergência Digital

Um em cada quatro internautas brasileiros fez graduação online

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 10/08/2017

Uma pesquisa online, nacional, realizada no CONECTAi Express, apurou que 44% dos entrevistados já fizeram algum curso online, sendo que a maioria realizou cursos livres (55%). Mas, o que chama atenção no levantamento, é que 35% realizaram graduação ou pós-graduação à distância, sendo 24% cursos de graduação e 11% de pós-graduação.

Um dos cursos mais procurado é o de idiomas, com 19%, superando inclusive o Técnico, com 16%.
O estudo aponta também que os cursos a distância são mais comuns entres os internautas das regiões Norte e Centro-Oeste e das classes A e B. A pesquisa foi realizada com 2.000 internautas em junho de 2017 por meio do CONECTAi Express, pesquisa trimestral, online, multiclientes, com cobertura nacional.

O acesso à educação de maneira mais flexível, com a opção de gerenciar com autonomia o horário e local de estudo conforme as necessidades de cada um são, segundo os entrevistados, algumas das vantagens do ensino a distância (EAD) em relação ao modelo tradicional.

Um estudo divulgado em maio, durante o 10º Congresso Brasileiro de Educação Superior Particular (Cbesp), revelou que educação superior a distância cresce no país em ritmo mais acelerado que a educação presencial.

Os dados do último Censo da Educação Superior – de 2015 – mostraram que enquanto o ensino presencial teve um crescimento de 2,3% nas matrículas em 2015 em relação a 2014, o ensino a distância (EaD) teve expansão de 3,9%. Mas há críticas à modalidade.

Um dos aspectos que mais pesam na permanência dos alunos, segundo o fundador da Educa Insights, que trabalha com pesquisas de mercado, Luiz Trivelato, é o relacionamento com estudantes. A Educa Insights fez uma pesquisa para ver como agiam as instituições que ofertam EaD.

"Houve instituições que durante o ciclo que experimentamos estar com eles, durante quatro meses não nos procuraram nenhuma vez. A gente não ia às aulas e simulava não fazer as atividades e não éramos procurados", disse.

A falta de contato, segundo ele, é um dos fatores que leva à evasão dos estudantes. "Aquelas instituições que conseguiram manter uma proximidade com os alunos, foram as que obtiveram êxito na pesquisa. "Foram aquelas que provocaram, que buscaram, que reforçaram para o aluno a importância de estudar, que ofereceram opções de estudo", afirmou Trivelato.

Dados apresentados no evento apontam que a rede privada concentra a maior parte das matrículas na modalidade – 1.265.359 – o representa 90,8% do total de 1.393.752 registradas em 2015. Apesar do aumento do número de concluintes, que cresceu 23,1%, índice maior que nos presenciais, que foi de 9,4%, muitos estudantes ainda deixam o curso sem concluí-lo. Nas instituições privadas, a taxa de evasão nos cursos a distância é 35,2%, superior à evasão nos cursos presenciais, que é 27,9%.

*Com Agência Brasil


Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

22/02/2019
Impulsionada por 5G e IoT, economia digital vai gerar US$ 23 trilhões até 2025

17/12/2018
Economia digital impõe gastos de US$ 380 bilhões em TI entre 2019 a 2022 na América Latina

10/10/2018
Sancionada Lei que dispensa reconhecimento de firma e autenticação de documento

01/10/2018
Presidenciáveis deixaram a economia digital de fora das suas agendas

01/10/2018
Telefônica busca rivais e governo por pacto digital no Brasil

29/08/2018
Economia digital: aplicações não vão funcionar sem redes

12/06/2018
Celulares já respondem por um terço das vendas online

09/04/2018
Provedores preparam 'lista negra' unificada para reduzir spam

22/03/2018
Decreto cria estrutura multissetorial para cuidar da transformação digital

21/03/2018
Estratégia Digital reúne antigas demandas e programas repaginados

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O futuro do trabalho colocado à prova

Por Luiz Camargo*

Novas profissões exigem também novas habilidades para acompanhar a revolução digital. Os novos empregos certamente irão demandar habilidades analíticas, matemáticas e digitais, com um toque de neurociência.

Destaques
Destaques

STF anula decisão do TST e reforça valor legal da terceirização

Decisão aconteceu em uma ação de uma atendente contratada pela Contax, prestadora de serviços de call center, para atuar como terceirizada na Telemar Norte Leste.

Mais de 60% dos brasileiros estão infelizes, mas têm medo de mudar de emprego

Estudo da Brands2Life, com o LinkedIn, traz um dado assustador: 80% dos brasileiros não se candidata para a vaga de trabalho que gostaria. Cerca de um terço dos profissionais deixa de se candidatar a uma nova vaga por falta de confiança na sua própria capacidade.

Serviços de TI e de Telecom podem ser 100% terceirizados no Governo Federal

Também foi incluída na lista divulgada pelo governo Federal o serviço de teleatendimento. Decisão está publicada na portaria 443/2018.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site