INTERNET

TJRJ nega pedido de Marcelo Crivella para retirar críticas do YouTube

Convergência Digital ... 11/08/2017 ... Convergência Digital

A Justiça do Rio de Janeiro negou um pedido do atual prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, que queria obrigado o Google a retirar do YouTube um vídeo onde um cidadão faz críticas a um projeto de lei, em 2014, quando o político ainda era senador. 

No vídeo, o blogueiro Ricardo Gama reclamou do projeto de 728/11, que ganhou notoriedade ao prever penalidades e até a tipificação como terrorismo em ataques a delegações e protestos durante a Copa do Mundo no Brasil. Crivella alega que foi mal interpretado e que o projeto jamais tentou evitar manifestações. Mas o PL acabou sendo derrubado antes de chegar ao Plenário.

Na ação, o senador, agora prefeito, sustenta que sua honra foi violada e sua imagem está sendo exposta indevidamente. O Google defendeu-se ao sustentar a liberdade de expressão. E apontou para o fato de que o político não acionou o autor do vídeo e das alegadas ofensas, mas a plataforma. 

Na decisão, a juíza Monica Moraes Ribeiro dos Santos, da 3ª Vara Civil do TJRJ, descarta a remomoção do conteúdo e afirma que “trata-se de vídeo de conteúdo político, o qual se insere no âmbito da livre manifestação do cidadão e do eleitor, sem que daí resulte em animus injuriandi ou difamandi, mas sim na divulgação de fatos objeto inclusive de relevância nacional”. 

“Não se discute o direito de se debater Projetos de lei, sendo certo que eventuais excessos deverão ser repelidos pelo Poder Judiciário, o que, de toda sorte, não se verifica no caso em tela, tratndo-se de mero pensamento do eleitor, e onde se observa que há espaço para comentários onde o proprio autor poderia ter se manifestado, prestando os esclarecimentos que entendia devidos.”


Com alta de 15%, Brasil é o segundo maior alvo de ataques web no mundo

Novo relatório da Akamai aponta, porém, que o país caiu de terceiro para quinto no ranking de origem dos ataques online. 

Black Friday dá gás às vendas, mas fica longe do desempenho de 2016

Segundo levantamento da Ebit, vendas online cresceram 10,3%, contra alta de 17% em 2016. Nas lojas físicas, alta foi de 4,9%, conforme a Serasa, enquanto chegou a 11% no ano passado. 

Em Goiás, homem é condenado à prisão por compartilhar fotos no You Tube e no WhatsApp

Pena, no entanto, foi revertida para a prestaçaõ de serviços à comunidade. Homem divulgou fotos da ex-namorada em listas nas redes sociais por vingança.

'Vingança pornográfica" vai dar cadeia de dois a quatro anos

Avançou na CCJ do Senado o PL 18/2017, que adota punição mais rigorosa para o registro ou divulgação, não autorizada, de cenas de intimidade sexual de uma pessoal. PL seguiu em regime de urgência para o Plenário do Senado.

Consumidores ignoram termos de privacidade de dados no Brasil

E o consentimento tem sido a base legal para o processamento das informações, observou o sócio sênior da Accenture, José Moscati.

Revista Abranet 22 . set/nov 2017
Veja a Revista Abranet nº 22 Reforma trabalhista: impactos para os ISPs. Conheça o novo cenário e saiba o que muda para as empresas de Internet. E mais: Os robôs chegaram pra valer; A incerteza dos 450 MHz; TIC Educação: o papel dos provedores.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G