GESTÃO

Leroy Merlin: TI não é provedora de serviços, é parceira de negócios

Por Roberta Prescott ... 13/09/2017 ... Convergência Digital

A digitalização mudou a abordagem ao cliente e a Leroy Merlin, rede de lojas de materiais de construção, acabamento, decoração, jardinagem e bricolagem, se viu obrigada a se adaptar para uma realidade na qual os consumidores querem informações detalhadas e por meio de diversos canais, o que determinou um redesenho das interações com os clientes, observou durante o SAP Fórum, o CIO, líder digital e líder de Inovação, Matthieu Grymonprez.

"Trabalhamos no modelo de inovação aberta com fornecedores e usamos design thinking. Queremos ter todas as funcionalidades da loja no celular; e isto nos força a repensar o negócio", destacou o executivo. Entre os desafios, o menor deles é a adaptação para o tamanho da tela.

"Precisamos definir o que vamos colocar de informação e como combinar a interação de um vendedor especializado com informação relevante que o cliente precisa", acrescentou o CIO. Atualmente 80% dos clientes da Leroy Merlin acessam ao website antes de ir à loja. "Precisamos de uma interatividade seamless entre a experiência do website e da loja. A grande dificuldade é treinar as pessoas da loja."

Grymonprez observou que o departamento de tecnologia da informação passa por uma transformação nos últimos três anos. Neste período, conta o CIO, o conselho da empresa entendeu que era preciso mudar a maneira de se relacionar com a TI, entendendo-a como parceira de negócio e não como uma provedora de serviços. "Criamos uma cultura na qual a parceria se joga igual entre negócio e TI,"completou.


Rio de Janeiro proíbe ligação de telemarketing fora do horário comercial

Nova lei também proíbe ligações feitas de números privativos e exige que os operadoras de telemarketing identifiquem a empresa logo no início da chamada. Medida entra em vigor daqui a 120 dias.

Governo tem versão 2018 do ePING

Padrões de interoperabilidade são obrigatórios para todos os órgãos federais integrantes do Sistema de Administração de Recursos de Tecnologia da Informação.

Nas PMEs, 93% não estão prontas para implantar o eSocial

Pesquisa mostra que a maioria das médias e pequenas empresas ainda não assimilou as consequências de não se adaptarem ao novo regime fiscal, em vigor a partir de janeiro de 2018. Empresas consideram caro o custo de implementação do regime.

Entenda o impacto da Lei complementar 157/16 no setor de Telecom

Legislação traz segurança jurídica às empresas, sustenta o advogado e coordenador do Comitê Tributário da ABDTIC, Luiz Roberto Peroba.

Novo ciclo da tecnologia é oportunidade real para as PMEs no Brasil

Para Marcia Ogawa, que lidera a área de tecnologia, mídia e telecomunicações da consultoria Deloitte, demanda crescente de internet deve ampliar fatia de provedores regionais. 



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G