INOVAÇÃO

Inovação: Governo investe menos, empresas um pouco mais. Recursos caem R$ 2,8 bilhões

Convergência Digital* ... 09/10/2017 ... Convergência Digital

A participação do governo caiu entre 2014 e 2015 e passou de 0,67% para 0,64%, mas ainda assim é maior do que a das empresas, que aportaram mais recursos e passaram de 0,57% para 0,61% de 2014 para 2015. No total, o investimento do setor privado do país em pesquisa e desenvolvimento aumentou de R$ 37,4 bilhões para R$ 38,1 bilhões, apesar da crise econômica.

Os dados estão na publicação “Indicadores Nacionais de Ciência, Tecnologia e Inovação 2017” do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). A publicação, que reúne dados da Pesquisa de Inovação do IBGE (Pintec) e outras fontes, como a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), fornece um retrato sobre a inovação no Brasil.

Segundo o documento, o total do dispêndio nacional em P&D em 2015 foi de R$ 76,5 bilhões, somando investimentos públicos e privados. Isso significa uma queda de 3,5% na comparação com o montante registrado no ano anterior (R$ 79,2 bilhões). Os dispêndios nacionais em pesquisa e desenvolvimento financiados pelas empresas privadas passaram de 0,57% em 2014 para 0,61% no ano seguinte. Já os investimentos públicos sofreram leve redução no mesmo período, passando de 0,67% para 0,64%. Ainda assim, são mais elevados que o do setor privado.

Os investimentos do setor público brasileiro em pesquisa e desenvolvimento também são maiores que os da China (0,44%), Japão (0,54%) e Reino Unido (0,48%). No entanto, nesses três países, o percentual investido pelas empresas, respectivamente, é de 1,54%, 2,72% e 0,82%.

Recursos humanos

O levantamento do MCTIC mostra que 316.495 mil pessoas (pesquisadores e pessoal de apoio) trabalham com pesquisa e desenvolvimento no Brasil. Desse total, 237.585 estão no ensino superior, 69.746 no setor empresarial, 9.935 no governo e 1.816 no setor privado sem fins lucrativos.

O número de pesquisadores cadastrados no Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq em 2016 supera os 230 mil profissionais nas mais diversas áreas: ciências da saúde, ciências humanas, engenharias e computação, ciências biológicas, agrárias e outras. Já o total de pedidos de patentes depositadas no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi) caiu de 33.043 para 31.020.

“O indicador é uma questão vital, pois reflete o estágio em que se encontra determinada política pública. Cada vez mais, temos que aprimorar o nosso trabalho de avaliação e monitoramento”, explica o diretor de Gestão Estratégica da Secretaria Executiva do MCTIC, Johnny Santos. “Esse documento permite traçar um panorama bastante amplo e refletir sobre os resultados das nossas políticas públicas. Representa a materialização de um grande esforço”, define. Confira o link para o estudo.

 


Cloud Computing
Mambu, uma fintech da nuvem, chega ao Brasil

Empresa atua no modelo de SaaS para empréstimos e créditos digitais, por meio de uma parceria global com a AWS. Aqui, busca parceiros estratégicos, revela o diretor Edgardo Torres  Caballero .

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Opinião
Por que devemos projetar chips no Brasil?
Rogério Moreira e Murilo Pessatti*
Opinião
BNDES e o impacto na Inovação
Cláudia Trindade Prates, João Paulo Pieroni e Luciano Machado*

Algar Tech cria a Duda, sua plataforma de Inteligência Artificial

Plataforma está sendo usasda em atendimento via apps de mensageria no processo de renegociação de dívidas, que passou a ser 100% sem interferência humana.

Inovação que dá certo é a que une a grande empresa à startup

A burocracia é um grande entrave à inovação, mas o ponto mais crítico é a falta de interação entre o mercado e as boas ideias das startups, observam Rafael Duton e Alexandre Castro, do Oito, da Oi.

Oi investe em startups para ter 'inovação correndo nas veias'

Empresa ativou o Oito, hub de empreendedorismo e inovação no Rio de Janeiro.

Intel: Brasil fica fora dos mercados de IA, IoT e 5G se olhar apenas para o 'próprio umbigo'

"Não há como ser um ator global sem produzir tecnologia para a exportação", advertiu o diretor-geral,Maurício Ruiz. Empresa quer se redimir dos erros e garantir o protagonismo no 5G. Sobre produção local, mesmo com o boom das memórias, o executivo diz ser 'muito difícil'.

Satélite 100% elétrico da Eutelsat já está em serviço

Capacidade de banda KU será utilizada para oferecer serviço de TV em tempo real para passageiros em voo.



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G