INCLUSÃO DIGITAL

Leilão da Telebras fracassa e fica sem interessados

Luís Osvaldo Grossmann ... 31/10/2017 ... Convergência Digital

Depois de muita expectativa, disputas judiciais, mudanças no edital e três adiamentos, ninguém apareceu para concorrer a um dos dois lotes onde a Telebras ofereceu parte da capacidade em banda Ka do satélite geoestacionário de defesa e comunicações. Aparentemente constrangida, a estatal sequer se dispôs a comentar o fracasso do leilão, marcado para esta terça, 31/10. 

Em uma nota em que relata o leilão deserto, a Telebras comunica somente que “a diretoria executiva adotará as medidas planejadas para a continuidade do projeto SGDC, dada sua relevância aos programas de governo e à massificação do acesso à internet em banda larga”. A estatal, no entanto, não quis divulgar quais são as “medidas planejadas”. 

O leilão previa a venda de 57% da capacidade total do satélite, sendo o primeiro lote, com 35% da capacidade total, ou 9,6 GHz em frequências, também associado a obrigações relacionadas às metas de universalização de acesso em banda larga. O segundo lote previa a venda de 22% da capacidade (5,8 GHz). Segundo o presidente da comissão especial de comercialização, Bruno Henriques, que encerrou a sessão pela ausência de concorrentes, não há previsão de que sejam divulgados os valores mínimos do leilão. 


Carreira
Empregados de Telecom questionam jornada intermitente no STF

Federação dos Trabalhadores em empresas de Telecomunicações, Fenattel, sustenta que as novas regras permitem a remuneração abaixo do salário mínimo. No todo, o STF recebeu 10 ações contestando a nova legislação. STF julgará o mérito, sem prévia análise do pedido de liminar.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

PNAD 2016: celular quase encosta em TVs nos lares brasileiros

Pesquisa do IBGE mostra que, em 2016, em 92,3% dos domícilios pelo menos um morador possuía um telefone celular. As TVs estão presentes em 97,4% dos domícilios. O acesso à Internet chegou a 63,6% dos domicílios, com o celular ganhando fácil dos PCs e tablets. 

Governo deveria abrir mão de três anos de impostos para levar banda larga para quem não tem

A proposta foi feita pelo diretor de desenvolvimento de Negócios da IBM Brasil, Rodrigo Santi, caso ele pudesse ter a 'caneta' para definir uma política pública para o setor no Brasil.

UIT alerta que apesar de avanços no Brasil, o fosso digital aumentou

Em ranking de 176 países, o Brasil melhorou uma posição, de 67º para 66º considerados os usos e habilidades das tecnologias da informação e comunicações, mas ainda tem muito por fazer se quiser aderir à era Inteligência Arficial, do Big Data ou da Internet das Coisas.

Governo estabelece o fim do feriado regulatório para fibra óptica

Governo quer fazer um diagnóstico das redes de acesso existentes no país. "Temos poucos dados e eles estão desatualizados", observa o diretor de Banda Larga do MCTIC, Artur Coimbra.

Telecentros renovam fôlego e ganham novo status na Inclusão Digital

A consulta pública aberta pelo governo para definir novas políticas públicas para Telecomunicações vai tratar de um tema caro: o compartilhamento e tratamento de dados, revela Américo Bernardes, Diretor do Departamento de Inclusão Digital do MCTIC.

MCTIC abre consulta para plano que prioriza a banda larga em Telecomunicações

“O principal objetivo é levar conectividade para onde ela não existe. E o Decreto esclarece quais são as prioridades”, resume o secretário André Borges. Texto vai receber contribuições por 30 dias. 



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G