GOVERNO » Legislação

Governo publica MP com ajustes na nova legislação trabalhista

Convergência Digital ... 14/11/2017 ... Convergência Digital

O governo fez publicar nesta terça, 14/11, uma edição extra do Diário Oficial da União com a Medida Provisória 808, que traz ajustes à nova legislação trabalhista. Como previamente combinado com os parlamentares, a MP trata de questões como trabalho intermitente, gestantes e lactantes em ambiente insalubre e jornadas de 12 por 36 horas.

Um dos principais ajustes é o estabelecimento de uma carência em novas contratações de empregados demitidos que tinham CLT e firmarem contratos de trabalho intermitente. Assim, “até 31 de dezembro de 2020, o empregado registrado por meio de contrato de trabalho por prazo indeterminado demitido não poderá prestar serviços para o mesmo empregador por meio de contrato de trabalho intermitente pelo prazo de dezoito meses, contado da data da demissão do empregado”. 

Outra mudança é a exigência de acordo ou convenção coletiva para o estabelecimento de jornadas de doze horas seguidas por trinta e seis horas ininterruptas de descanso. A exceção foi estabelecida para “entidades atuantes no setor de saúde”, que poderão estabelecer o mesmo “por meio de acordo individual escrito”, como opção à convenção ou acordo. 

A MP também prevê que gestantes serão afastadas “enquanto durar a gestação, de quaisquer atividades, operações ou locais insalubres”. A lei saiu do Congresso exigindo atestado médico para tal, obrigação que foi mantida no caso das lactantes – ou seja, terão que apresentar recomendação do médico para também serem afastadas dos locais insalubres. 

Outros ajustes são a inclusão de etnia, idade e nacionalidade entre “bens juridicamente tutelados” a serem considerados em reparações de danos, junto com “a honra, a imagem, a intimidade, a liberdade de ação, a autoestima, o gênero, a orientação sexual, a saúde, o lazer e a integridade física”. Além disso, a MP proíbe contratos de exclusividade com trabalhadores autônomos. 


Consumidor com mais de três linhas telefônicas em casa pode ter de prestar contas à Justiça

Proposta de projeto de Lei foi apresentada pelo Deputado Heuler Cruvinel (PSD/GO), com o intuito de reprimir golpes telefônicos. Se passar, as operadoras de telefonia tereão de notificar as autoridades de segurança em até 48 horas.

Carteira de trabalho digital tem mais de 110 mil downloads

Foram 2,6 mil downloads por dia desde o final de novembro quando o aplicativo foi lançado. A maior parte dos downloads foi para o Android.

Confederação de teles e TI quer R$ 1 bilhão para Sistema S das TICs

“Nossa prioridade para 2018 é garantir os recursos para esse sistema fazer frente às necessidades de formação e capacitação para a transformação digital”, diz o presidente do Sinditelebrasil, Eduardo Levy. 

Governo retoma piloto de IoT com chips para coleta de dados

Governo criou um comitê interministerial para integrar as políticas de RFID às do Plano Nacional de Internet das Coisas. Iniciativa, parada há três anos por falta de consenso, batizada de SINIAV, começa a sair do papel com pilotos em Pernambuco e no município de Santo André, em São Paulo.

Governo discute se IoT é valor adicionado ou Telecomunicações

"Há prós e contras e precisamos analisar bem para definirmos a melhor governança", diz o diretor do MCTIC, José Gontijo. Sobre Internet das Coisas, Gontijo é taxativo: O Brasil não pode adiar mais uma definição sobre Lei de proteção de Dados Pessoais.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G