Home - Convergência Digital

Fuja, corra, dos reclamões!

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 07/12/2017

Se alguém na sua empresa reclama muito, essa pessoa deveria ser demitida imediatamente, pelo menos é o que defendeu ao Business Insider, a magnata do ramo imobiliário Barbara Corcoran, que vendeu seu negócio por US$ 66 milhões.

Esse tipo de funcionário foi classificado pela empreendedora como “ladrão na noite”, e disse que nunca o tolerou em suas empresas. Barbara Corcoran foi taxativa: a demissão desses funcionários foi a chave do sucesso de seus negócios.

“Essas pessoas evitam assumir responsabilidade por suas próprias ações, preferindo culpar os outros por situações ruins. Elas sempre terão uma desculpa, e suas constantes reclamações não passam em branco para seus colegas”, disse Barbara Corcoran.

“Eles podem até começar a desenvolver uma mentalidade de vítima própria como resultado da convivência com outros que fazem isso”. Em seus cálculos, uma pessoa negativa é capaz de tirar a energia de 15 ótimos funcionários. Por isso o apelido de “ladrões”.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

07/12/2017
Fuja, corra, dos reclamões!

05/12/2017
Dobrou o número de demissões em TI no Rio de Janeiro

01/12/2017
Construa o seu próprio sucesso profissional

30/11/2017
Remuneração de um CSO pode chegar a R$ 40 mil em 2018

23/11/2017
App replica modelo do Uber para contratação de profissionais de TI

24/10/2017
TOTVS abre inscrição para Programa de Trainee 2018

10/10/2017
Saiba o que realmente importa num currículo de emprego

28/09/2017
Google lança versão 3.0 de aplicativo de capacitação profissional

18/09/2017
Jovem brasileiro quer inovação, mas também quer carteira de trabalho

15/09/2017
Empresa de TI abre 107 vagas em 16 estados

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Quatro lições para dar coragem e autonomia às pessoas

Por Amanda Matos Cavalcante*

As pessoas são os principais e mais importantes ativos de uma corporação.

Destaques
Destaques

Novas profissões - e inusitadas- que prometem bombar em TI

Surgem oportunidades para 'detetives de dados', 'corretor de dados pessoais', 'facilitador da TI', 'gestor de negócios de Inteligência Artificial', entre outras. Saiba o que vão fazer esses especialistas.

Nove profissões que vão estar em alta até 2030

Uma delas é o 'policial digital', que vai investigar fraudes, furtos, quebra de reputações usando dados, algoritmos e software.

Pessoas selam o sucesso ou o fracasso da transformação digital

Sem funcionários engajados, a estratégia tende a fracassar, pontua o vice-presidente do Gartner, Cassio Dreyfuss.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site