TELECOM

Anatel vai aceitar novo plano se Oi respeitar restrições da agência

Luís Osvaldo Grossmann ... 07/12/2017 ... Convergência Digital

Ao discutir uma saída para a Oi com o novo presidente da operadora, Eurico Teles, a Anatel indicou que vai aceitar a proposta desde que ela contemple o que está previsto nas medidas cautelares expedidas pela agência onde foram indicadas restrições à solução a ser apresentada. 

“O novo presidente da Oi veio posicionar a agência sobre a tarefa de concluir até dia 12/12 um novo plano de recuperação para levar à assembleia no dia 19. O que dissemos foi que desde que sejam obedecidas as cautelares todas que a Anatel já emitiu, de nossa parte o plano estaria aceito”, afirmou o presidente da Anatel, Juarez Quadros. 

A agência até aqui soltou duas medidas cautelares no processo de recuperação judicial da Oi. A primeira, no início de novembro, congelou o avanço do acordo entre credores e controladores pelo risco ao caixa da empresa com cláusulas que previam pagamento de ‘bônus’ antes mesmo da capitalização da empresa. Três semanas depois, uma nova cautelar proibiu acordo que afete o caixa ou inclua “cláusulas ruinosas”. A agência também reclama daquela que dispensa aportes de capital caso intervenha na operadora. 

Eurico Teles esteve em Brasília para tratar com Anatel e com Advocacia Geral da União sobre o plano que ele pretende apresentar na próxima semana. O executivo indicou que na dívida da Oi com a Anatel vai buscar uma saída diferenciada para os créditos constituídos e não constituídos – ou seja, os que estão ainda na esfera administrativa da agência e os já judicializados. 

Quadros ressaltou que a porta do Termo de Ajustamento de Conduta, pelo qual a agência negocia a troca de multas por investimentos, está fechada para a Oi, ao menos na forma do regulamento de TAC. “Um [TAC] foi revogado, o que já estava aprovado, e os outros não foram aceitos. Pela regra do TAC, não pode voltar”, disse. 

Não por menos, o presidente da Anatel revelou que a agência já informou ao Tribuna de Contas da União que não há mais TACs da Oi tramitando, o que deve encerrar o assunto também na Corte de Contas. “Tanto é que a própria área técnica do TCU já propôs o arquivamento dos processos relativos ao TAC da Oi”, emendou Quadros. 


Revista do 62º Painel Telebrasil 2018
Veja a revista do 62º Painel Telebrasil 2018 Brasil Digital: O futuro é agora - é o tema da revista do Painel Telebrasil 2018.
Edição, com 104 páginas, consolida os debates realizados no evento, que reuniu a indústria de Telecomunicações.
Clique aqui para ver outras edições

Celulares terão que indicar taxa de radiação emitida

Ao revisar o regulamento que trata da exposição eletromagnética, Anatel prevê 120 dias para que os equipamentos vendidos tragam a informação nas caixas ou manuais.

TV paga: pirataria tem mais 'assinantes' que a Netflix no Brasil

Consultoria Business Bureau diz que a OTT possui 18% do mercado de assinatura de streaming de vídeo. A Globo Play fica na segunda posição, mas com apenas 4%. Pirataria no Brasil fica bem acima da média da América Latina.

Justiça mantém Pharol e Nelson Tanure fora da Oi até aporte de capital

Juiz Fernando Viana, da 7ªVara Empresarial do Rio de Janeiro, manteve a suspensão dos direitos políticos dos conselheiros e diretores da Oi ligados aos grupos.

GSMA: Parceria em conteúdo é melhor para teles que produção própria

Apesar de iniciativas em investir nesse campo, estudo da associação destaca que licenciamento de conteúdo é caminho mais realista para teles.



Painel Telebrasil 2017 - Cobertura Especial ConvergênciaDigital


Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do Painel Telebrasil 2017

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G