TELECOM

Oi unifica mainframes para acelerar serviços digitais

Ana Paula Lobo e Pedro Costa ... 11/12/2017 ... Convergência Digital

"Estamos preparando o futuro dos nossos sistemas de Tecnologia da Informação", assim frisou o diretor de Tecnologia de Redes e Sistemas da Oi, Pedro Falcão, ao participar do Fórum de Tecnologia e Inovação Oi, realizado nesta segunda-feira, 11 de dezembro, no Rio de Janeiro. Ele relatou a importância do Centro de Gerência de Serviços, o CGS, instalado no datacenter de Brasília.

"É no CSG que fazemos a gestão unificada de recarga, do billing. Nele enxergamos problemas no Brasil todo", reporta Falcão. Outra ação relevante é o término da implementação do CRM único, iniciado em 2015. "Teremos um back office e um front office com uma interface única. Será muito mais ágil. E estamos fazendo isso também para a área de vendas - nas nossas lojas e com os parceiros", acrescentou Falcão.

Um outro passo também está sendo dado em nome da transformação digital: a unificação dos mainframes. "Nossa arquitetura de TI, especialmente na área fixa e de banda larga fixa, ainda têm mainframes da Brasil Telecom e da Oi Telemar. Vamos unificar todos para sermos a verdadeira empresa nacional de convergência". Falcão destaca também os investimentos exigidos pela Segurança da Informação. Assistam.


Operadoras móveis receberam 1,6 milhão de pedidos de bloqueio de acesso do celular

Ao todo, informa o SindiTelebrasil, 9,3 milhões de celulares estão registrados no Cadastro de Estações Móveis Impedidas (CEMI), por roubo, furto e extravio. Os dados são referentes a 2017.

Segue a sangria nas linhas de telefonia fixa no Brasil

Em novembro, foram contabilizadas 135.964 mil linhas a menos e o país fechou o décimo primeiro mês de 2017, com quase 41 milhões de linhas ativas. Oi, Claro, TIM e pequenos prestadores de STFC puxaram a queda de linhas em serviço.

Plano da Oi prevê investimentos abaixo do necessário, diz Anatel

Para agência, os R$ 4 bilhões previstos de dinheiro novo na operadora não são suficientes para que a Oi alcance o nível anual de aportes dos concorrentes. “Se não acompanhar, vai continuar perdendo mercado”, diz Juarez Quadros. 

Claro repete que há muitas operadoras no Brasil e resiste à entrada dos chineses na Oi

"O mercado já está instável com quatro operadoras. Os chineses têm uma mistura com o governo. Com quem iríamos brigar?", criticou o presidente José Félix. Não é a primeira vez que a Claro diz que o mercado nacional comporta apenas três players.

Eletrosul testa suporte por satélite com Telebras e Hughes

Com 11 mil km de linhas de transmissão, a empresa é responsável por aproximadamente 10% do sistema de transmissão do País. Piloto terá duração de 60 dias.

Rede fixa três vezes maior do que a das rivais será o futuro da Oi

O diretor de Tecnologia de Redes e Sistema da Oi, Pedro Falcão, sustentou que o backbone óptico e as redes metropolitanas são a 'joia da coroa' e despertam a ambição dos concorrentes. "A Internet de Tudo exigirá muita rede fixa", frisou.


Veja a revista do 61º Painel Telebrasil 2017
Revista do 61º Painel Telebrasil 2017
A edição de 2017 do Painel Telebrasil enfatizou a necessidade de atualização do modelo de telecomunicações e a definição de uma agenda digital para o País.

Painel Telebrasil 2017 - Cobertura Especial ConvergênciaDigital


Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do Painel Telebrasil 2017

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G