SEGURANÇA

Ataques levam a aumento de 8% nos gastos com segurança da informação

Convergência Digital ... 15/12/2017 ... Convergência Digital

As despesas mundiais com segurança da informação chegarão a US$ 96,3 bilhões em 2018, representando um crescimento de 8% em relação a este ano. A projeção é da consultoria Gartner, que estima que as organizações estão gastando mais em segurança por conta de regulamentos, mudança de mentalidade do comprador, preocupações com ameaças emergentes e evolução para uma estratégia digital de negócio.

Segundo a análise, uma grande parte dos gastos com segurança é impulsionada pela reação de uma organização em relação a falhas à medida que ataques cibernéticos de alto perfil e violações de dados afetam organizações em todo o mundo. Os ataques cibernéticos, como WannaCry e NotPetya, e mais recentemente a Equifax Breach, têm um efeito direto em gastos em segurança porque esses tipos de ataques chegam a durar muitas vezes até três anos.

Das 53% das organizações que citaram os riscos de segurança como o Fator n° 1 para as despesas gerais do setor, a maior porcentagem dos entrevistados disse que uma violação de segurança é o principal risco que influencia as suas despesas. Como resultado, os testes de segurança, a terceirização de TI e informações de segurança e gerenciamento de eventos (SIEM) estarão entre os subsegmentos de segurança de crescimento mais rápidos, gerando crescimento nos segmentos de proteção de infraestrutura e serviços de segurança.

O Gartner prevê que até 2020, mais de 60% das organizações irão investir em múltiplas ferramentas de segurança de dados, tais como prevenção de perda de dados, criptografia e ferramentas de proteção de auditoria centradas em dados, atualmente, em torno de aproximadamente 35%.


NEC - Conteúdo Patrocinado - Convergência Digital
Multibiometria: saiba como ela pode cuidar da sua segurança digital

Plataforma Super Resolution, que integra espaços físicos e digitais, será apresentada pela primeira vez no Brasil no Futurecom 2018. Um dos usuários da solução é o OCBC Bank, de Cingapura. A plataforma permite o reconhecimento instantâneo das pessoas à medida que se aproximem da agência.

Microsoft alerta para risco de novo ataque como WannaCry

“A vunerabilidade é ‘wormable’, o que significa que qualquer futuro malware que a explore pode propagar de um computador para outro de forma similar ao que vimos em 2017”, explica o diretor de resposta a incidentes da MS, Simon Pope.

Unisys: Transformação digital amplia papel da cibersegurança

Ao abrir o acesso por multicanais e dar maior transparência aos seus serviços, por conta da jornada digital, governo e empresas reforçam a preocupação com o compliance, observa o vice-presidente de Tecnologia da Unisys na América Latina, Marcel Valverde. Sobre a Lei de Dados Pessoais, o executivo é taxativo: "Vai exigir um grande esforço de adequação".

Dados Pessoais: Empresas abrem mão da análise de risco e erram feio na estratégia

Ataques malware explodem e País ganha destaque global como hospedeiro para ataques botnets, revela o diretor geral da SonicWaal do Brasil, Arley Brogiato.

Segurança da Informação segue muito baixa nos órgãos do Governo

O coordenador geral de contratações de TICs do ministério da Economia, Silvio Lima, admite que é preciso acelerar a capacitação das equipes. "O governo digital vai aumentar exponencialmente a base de dados nas nossas mãos". Consequência da baixa maturidade foi a decisão de não comprar por serviço na área.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G