TELECOM

Claro perde menos e passa TIM na disputa pelo segundo lugar

Luís Osvaldo Grossmann ... 30/01/2018 ... Convergência Digital

A Claro terminou 2017 no segundo lugar entre as maiores operadoras móveis do país. A empresa ultrapassou a Tim, mas essa é uma briga que foi definida por quem perdeu menos clientes, uma vez que ambas terminaram o ano menores do que estavam em 2016. 

A diferença é pequena. Os mexicanos da Claro encerraram 2017 com 59 milhões de chips ativos, enquanto os italianos da Tim contavam 58,63 milhões. São 387,5 mil chips entre ambas, uma distância de apenas 0,6% - ou meros 0,16% do total (236,4 milhões) de acessos ativos no país. 

Enquanto a TIM viu sumirem 4,78 milhões de chips de sua base, a Claro perdeu 1,14 milhões. Com isso, a Claro ficou com 24,95% do mercado e a Tim com 24,79%. A Vivo, única das grandes a crescer em 2017, terminou o ano com 31,68% de participação. 

A Oi, que perdeu 3,19 milhões de chips, contava ao fim de dezembro com 38,9 milhões de acessos, ou 16,46% do total. A Nextel, que tem 1,17% do mercado, cresceu quase 200 mil chips, passando de 2,58 milhões para 2,78 milhões de acessos. A Algar, com 1,3 milhões de acessos (0,55%), perdeu 29 mil deles no ano passado. 

Crescimento contínuo demonstraram novamente as MVNOs. A Datora dobrou de tamanho, para 201 mil chips ativos. E a Porto Seguro ampliou sua base em 110 mil novos chips, para 562,5 mil. 


Internet Móvel 3G 4G
‘Horário nobre’ derruba velocidade da internet móvel pela metade no Brasil

Sem congestionamento, madrugada tem média de 28 Mbps no Brasil. Mas às oito da noite, quando há uma maior demanda de uso, a média  fica em 16 Mbps.  Oscilação é considerada 'normal' nas redes móveis. Alívio virá, revela estudo da Opensignal, com o desembarque do 5G.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Embratel usa Banda KA para expandir banda larga fixa e IoT

Diretor Executivo da Embratel Star One, Gustavo Silbert, explica que o serviço IPSAT terá um ponto concentrador dos dispositivos de IoT para levar comunicação às áreas remotas.

Teles vão ao STF contra lei que obriga atendimento em 15 minutos

Nova ação direta de inconstitucionalidade argumenta competência federal sobre telecom para questionar a lei aprovada em São Paulo que dispõe sobre o tempo de espera nas lojas das operadoras.

EUA vai banir Huawei e sugere cortar parcerias com quem não imitar

Em visita ao leste europeu, o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, diz que o uso de equipamentos de telecomunicações chineses “dificultam parcerias”.

Teles questionam no STF leis sobre cobrança e desbloqueio de celular

Em duas ADIs, empresas reclamam que leis do Rio de Janeiro invadiram a competência federal para tratar de telecomunicações.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G